Nós recomendamos: Onde ficar em Jericoacoara

Nós testamos e recomendamos:

Pousada Cabana

 

Jericoacoara tem opções de hotéis para todos os gostos e bolsos. Mas lembre-se: Jeri não se resume a apenas a cidade, muitas pousadas e hotéis ficam na praia do Preá que é afastada da cidade de Jericoacoara (cerca de meia hora). Isso porque lá é ideal para quem quer praticar Kitesurf – e fica mais perto de locais como a Lagoa do Paraíso e a Lagoa Azul. Mas na nossa opinião, Preá só vale a pena de se hospedar para quem já foi à Jeri e quer aproveitar para fazer kite all day long, já que as opções de transportes lá são difíceis e limitadas, você precisaria alugar um buggie para te levar para cima e para baixo, o que não sairia nada barato.Uma dos hotéis mais conhecidos em Preá por seus bangalôs rústicos e ao mesmo tempo luxuosos é o O Rancho do Peixe

Já em Jericoacoara,  opções de bons hotéis, pousadas e hostels é o que não falta. Nós preferimos aproveitar pra economizar um pouco mais na pousada, para aproveitar todos os passeios e as aulas de Kite. Mas no fim, achamos um lugar com ótimo custo-benefício: A Pousada Cabana. 

A Pousada tem uma pequena piscina e uma sauna perfeitas para curtir o fim de tarde

A Pousada tem uma pequena piscina e uma sauna perfeitas para curtir o fim de tarde

Recomendo para todos que vão em casal, famílias e até amigos. O proprietário da pousada Luca, um italiano que se apaixonou por Jeri e hoje passa seus anos dividido entre a vida em Roma e a administração da pousada cearense é muito atencioso. Nos deu ótimas dicas e nos ajudou a economizar bastante nos apresentando seus amigos italianos que vivem por lá: no fim, pela indicação dele pagamos menos nas aulas de Kite, pagamos menos nos passeios de Bug e também em restaurantes!!!

A Pousada Cabanas tem um espaço de leitura com redes muito gostoso para relaxar

A Pousada Cabanas tem um espaço de leitura com redes muito gostoso para relaxar

Pagamos R$ 1.000 por 5 noites na pousada o casal. Valeu muito a pena o custo-benefício. A pousada tem piscina, sauna, café da manha, ar condicionado e ventiladores nos quartos. Além de ser um ambiente muito agradavel a menos de 5 minutos da praia e da Duna do Pôr-do-Sol. Dica Importante: Se você vai pegar o ônibus que sai de Fortaleza para Jeri a noite, avise a pousada e os donos para eles te esperarem até a 1 hora da manhã para te dar a chave do quarto!!!! Um site que nos ajudou bastante a achar boas pousadas em Jeri (que não tem no Booking e outros sites de hoteis), como esse que você encontra clicando aqui.

 

divisoria viva o mundo

Entre as dunas do Ceará, a 300 km de Fortaleza, fica um pequeno vilarejo que virou point de turismo mundial. Bem-vindos a Jericoacoara!

Por Caio Lorenzi e Virginia Falanghe

Nós sempre tivemos Jeri como uma das nossas prioridades de viagens por ser referência no Brasil em quesitos de preservação ambiental, esportes ao ar livre e passeios de eco-aventura. Tudo começou com o Kitesurf, quando descobrimos que a cidade era um dos melhores destinos do mundo para a pratica do esporte. Os ventos constantes, águas rasas e cristalinas atraem praticantes de todo o planeta para lá. E vale ressaltar: muitos que vão visitar a cidade não voltam mais para os países e cidades de origem.

Esse magnetismo de Jeri tem muitos motivos: O charmoso vilarejo com ruas de areia tem ótimas pousadas, das mais econômicas até as de luxo, tem restaurantes maravilhosos com muitos frutos-do-mar, vida noturna agitada pelos forrós e mpb ao vivo nas esquinas da cidade, esportes para todos os gostos, além das paisagens paradisíacas da região que são umas das mais bonitas que já vimos!

Lagoa do Paraíso - um dos cartões postais de Jericoacoara.

Nós tinhamos apenas 5 dias de férias e decidimos pegar essa chance e tentar curtir Jeri o máximo possível. Pegamos um voo para Fortaleza que chegava as 9 da manhã de um domingo. Pegamos o dia para conhecer o Beach Park na capital cearense e embarcamos de ônibus para Jeri as 18 horas da tarde. A viagem é longa, chegamos a 1 da manhã no vilarejo – mas vale a pena – nem que seja para passar 4 dias em Jeri!

Como chegar:

Bom, vamos lá: existem dois jeitos de chegar em Jericoacoara (não dá pra ir dirigindo até lá sem saber o caminho, a estrada é muito perigosa, animais na pista o tempo todo além de ser necessário um carro 4×4 para atravessar as dunas de areia):

- Alugando um motorista que te leva de 4×4 diretamente para a porta de seu hotel em Jeri. Essa opção vale a pena para quem vai em 4 pessoas ou prefere pagar mais caro para ter conforto. A viagem é mais curta, dura apenas 4 horas e te deixa direto em seu destino. O preço é mais salgado: custa em torno de R$ 400 o trajeto, ou seja R$ 800 ida e volta. Não deixe de negociar com o motorista, eles geralmente fazem um desconto. Também aconselho ligar com antecedência para eles, e caso estiver em apenas 1 ou 2 pessoas, perguntar se ele não sabe de alguém que queira dividir a carona.

- De ônibus. Aí é para quem não tem frescuras, porque a Rodoviária de Fortaleza não é um dos lugares mais bonitos que já fomos hahah. O  ônibus sai em dois horários: por volta das 13 horas e das 18h30. Custa R$ 58,00 o trajeto, ou seja, quase R$ 120,00 ida e volta. A empresa é a Fretcar, que você pode encontrar o site aqui: http://www.fretcar.com.br/index.php. Mas não dá pra comprar pela internet, então ligue o quanto antes no número: (85) 3402.2244 e reserve.

O trajeto é o seguinte: Você vai com um ônibus super confortável, destes que deitam o banco inteiro, até Jijoca (que fica do lado de fora das Dunas que cercam Jericoacoara), de lá o ônibus para em um posto da companhia Fretcar. Você espera uma Jardineira (caminhão 4×4) que te leva pra Jeri. A viagem dura cerca de 6 horas e tem uma parada para comida no meio.

Independente de como chegar em Jeri – que é questão de gosto, bolso e conforto – o importante mesmo é ir pra lá. A energia daquele lugar não tem igual. Nós adoramos viajar e ir para lugares diferentes quando temos tempo para férias, mas depois que fomos para Jeri já estamos pensando em quando vamos voltar. Confira todas as dicas de Jeri aqui com a gente! E você, já foi para Jeri e quer contar sua experiência ou quer ir e tem alguma dúvida? Comente aqui!!! :) bjs,

1

14 Pontos turísticos imperdíveis em Jericoacoara

Nós listamos aqui os melhores Pontos Turísticos de Jericoacoara para todos os gostos e idades. Como nós só tinhamos 4 dias em Jeri, dividimos 2 dias de Passeio e 2 dias de Kite. Deu pra conhecer bastaaaante coisa, quase todos os pontos de turismo que existem em Jeri. Uma ótima dica é dividir os passeios por dias: em um dia você aluga um Buggy  com um motorista/guia que te leva para conhecer todo o lado oeste e no outro dia também faz a mesma coisa no lado leste de Jericoacoara.

Jericoacoara

Nós pagamos R$200 por dia de passeio. É necessário sim pegar um motorista que te leve para cima e para baixo, já que todos os passeios você vai passar por dunas e não existem mapas para você seguir e fazer o passeio sozinho. Vale muito a pena pegar um guia/motorista já que você passa o dia inteiro conhecendo novos lugares e curtindo todos os pontos de Jeri.  Quem nos levou para cima e para baixo foi o Mukeka, super atencioso e fez um preço bem bacana. Dica importante:  Se você pede os Buggy diretamente com o recepcionista da pousada eles cobram 20% em cima do valor do Bugueiro. Então já vá com um programado, nós te passamos o contato – adicione o Mukeka no Facebook (Mukeka Jeri) e programe com ele!

Jericoacoara e seus encantos

1. Passeio de Buggy à Tatajuba

Nosso primeiro dia de passeio foi para o lado oeste de Jericoacoara. Nesse passeio você pode ver Cavalos Marinhos, vai conhecer a cidade soterrada pelas Dunas Tatajuba, conhecerá as Dunas Fixas de Jeri (que não se movem), a Duna Encantada, pode fazer Sandboard ou Skibunda e no fim ainda pode descansar nas redes da Lagoa da Tatajuba. Nada mal um dia desses né? Vamos aos detalhes para você não perder nada em seu passeio!:

Passeio de Buggy em Tatajuba

2. Parque Nacional dos Cavalos Marinhos

Pagando mais R$ 10,00 para um grupo de pescadores locais, você sai em uma canoa e vai visitar os mangues onde vivem Cavalos Marinhos. O diferente do passeio é que você vai navegar em um rio de água salgada a procura dos pequenos animais. É um ótimo passeio para fazer com crianças, já que você pode chegar bem pertinho dos bichinhos e aprender sobre como eles vivem e criar consciência ambiental sobre o habitat desses animais.

Captura de Tela 2015-07-25 às 15.22.52

Um guia local do parque te leva de canoa ao local aonde os Cavalos Marinhos vivem

Depois da visitinha, você devolve eles do local de onde o tirou...

3. Mangues Secos

Para chegar aos Mangues Secos, você vai passar por uma balsa um tanto quanto pitoresca. Seu Buggy entra em uma balsa de madeira sem motor, que é levada através de uma lagoa rasa por homens que remam com grandes varas de pau.

A Balsa que leva os Buggys para o outro lado da lagoa é bem pitoresca! PS: turistas não pagam por elas, o preço está incluso no passeio.

Depois de atravessar a Balsa, você chega nos Mangues Secos, que formam uma “floresta” de galhos e árvores secas. Lá tem até uma barraquinha com água de coco, refrigerante e cerveja para quem quiser dar uma refrescada (paulistas que estão acostumados com a inflação nas praias babem: A água de coco custa R$ 1,00!!)

Mangues Secos: Dê uma paradinha para curtir os balanços nos meios dos galhos e para tomar uma água de coco por 1 real.

4. Velha e Nova Tatajuba

Essa história é boa! Imagine morar em uma cidade que foi engolida pela areia? Pois é, isso é o que os moradores da Velha Tatajuba passaram nos anos 80. Cada dia mais a areia ia tomando conta da cidade, quando os moradores chegavam de seus trabalhos, suas casas estavam com areia por todo o canto, até que elas começaram a sumir pela força da areia que não parava de invadir os imóveis no local. Loucura né? Acontece que a Dona Delmira, ex-moradora da Velha Tatajuba, vai todos os dias para onde fica a cidade soterrada para contar mais sobre essa história os turistas que passam por lá. No passeio, além de bater um papo com a Dona Delmira você vê partes de casas que foram soterradas pela areia, a Igreja da cidade, e etc. Os moradores da Velha Tatajuba se juntaram e construíram uma nova cidade ali pertinho, chamada de Nova Tatajuba.

A Dona Delmira conta o que ela viveu quando a cidade de Tatajuba foi soterrada pela areia.

Parte de uma casa que foi soterrada pela areia na Velha Tatajuba

A Igreja de Nova Tatajuba é uma réplica da que foi soterrada na areia na cidade antiga.

5. Dunas Secas

Aqui você vai dar uma passadinha de Buggy e vai ver a maior diferença entra as outras dunas comuns. Estas aqui não saem do lugar apesar dos ventos constantes. Lá, fique de olho para umas pedrinhas que ficam no chão, elas na verdade são artes em rochas que você pode tirar fotos com pontos de vista diferentes!

Dunas Secas: elas nunca perdem esse formato mesmo com os ventos constantes no local.

Nas Dunas Secas você pode parar e tirar fotos dentro das artes em pedras.

6. Sandboard

Depois das Dunas Secas, você chega em uma outra Duna que reserva muita adrenalina! Lá é o Point do Sandboard e Skibunda de Jericoacora. Funciona assim: assim que seu Buggy chegar vários homens virão te oferecer pranchas para alugar, aí você escolhe se quer descer de pé ou sentado. Cada um é responsável por uma prancha, ou seja, se você optar por fazer Sandboard vai pagar R$ 5,00 pela prancha, mas se quiser descer sentado depois precisará pagar outro homem que tenha a prancha do Skibunda mais 5 reais para alugar. Escolheu a prancha, desceu, lá embaixo (que é bem embaixo mesmo) você tem a opção de pagar mais R$ 5,00 para ser resgatado de quadriciclo e evitar várias queimaduras no pé durante a subida na areia quente. Então você paga R$ 5,00 para descer e mais R$ 5,00 para subir! Tente negociar que eles sempre fazem um descontinho… PS: Recomendo a subida de quadriciclo, nós tentamos subir sem carona e não deu muito certo… hahaha

Aos que não tem coragem de descer este barranco em pé, sempre tem a opção do Skibunda que vale a pena!

Um quadriciclo vai ter resgatrar lá embaixo por R$ 5,00.

E o aluguel da prancha de Sandboard é R$ 5,00

Depois de umas três subidas de quadriciclo já achamos companhia para dividir as despesas haha

7. Duna Encantada

Como em toda a cidade pequena lendas sobrenaturais sempre fazem parte da cultura local. A Duna Encantada é uma Duna que sempre está desse jeito, um morro de areia que não sai do lugar. Reza a lenda que embaixo da areia tem um navio que encalhou por alí. Moradores locais relatam que já viram espiritos e vozes a noite vindos da Duna….

A Duna Encantada tem uma lenda de arrepiar!

8. Lagoa Tatajuba

E finalmente, depois de um dia de passeios intensos você e seu Buggy chegam a Lagoa da Tatajuba. Lá tem um restaurantezinho que com certeza depois deste dia cheio de informações você vai querer comer. O menu é um só: um peixe recém-pescado, acompanhado por arroz, feijão e farofa. A Lagoa não é bonita como as outras da região, já que a água é marrom e escura. Mas isso não quer dizer que não seja limpa, hein? Dá pra relaxar tranquilamente nas redes que ficam em cima da água…

Lagoa da Tatajuba. A água é a mais escura que as lagoas da região, mas é ótima para fazer SUP, descansar nas redes e também almoçar no restaurante local.

9. Duna do Pôr-do-Sol

A Duna do Pôr-do-Sol fica ao lado da Vila de Jericoacoara. Para ir até lá, não é necessários Buggys nem nada. Dá pra ir a pé da cidadezinha e em 5 minutos você chega lá, já que fica localizada ao lado da Praia de Jeri. O nome já diz tudo, é lá que turistas e moradores vão passar o fim-de-tarde pelos Pôr-do-sol maravilhosos no local. É impossível ir a Jeri e não subir na Duna para curtir o entardecer. Nós alugamos cavalos para dar uma voltinha pelas redondezas e subimos nas dunas no fim da tarde. Pagamos R$ 20,00 por uma hora de aluguel dos cavalos, eles ficam bem pertinho da Duna, no começo da Rua das Dunas.

Nós alugamos cavalos para dar uma volta nas redondezas e curtir o entardecer na Duna do Pôr-do-sol.

A subida na Duna do Pôr-do-sol é indispensável.

10. Passeio de Buggy para a Lagoa do Paraíso.

Um dos símbolos mais famosos de Jericoacoara. A lagoa fica oficialmente em Jijoca, então para chegar lá é preciso ir de Buggy e passar por diversos pontos turísticos no caminho (nada mal, né?). Chegando lá, você vai poder relaxar nas redes que ficam em cima das águas cristalinas da lagoa. Ela é cercada por uma praia de areias brancas e fofas. Em cima da areia fica um restaurante bem gostoso, perfeito para pedir uma cervejinha e Lula Frita. É o passeio imperdível de Jeri

Lagoa do Paraíso em Jericoacoara

Lagoa do Paraíso, em Jericoacoara

.

11. Lagoa Azul

A Lagoa Azul fica no Caminho para a lagoa do paraíso. Também tem as famosas redes em cima da água de Jeri e um restaurante gostoso. Mas cá entre nós, é bem mais “farofenta” do que a Lagoa do Paraíso. Nada que impeça dar uma passada e relaxar nas redes por lá.

A Lagoa Azul. Nós pegamos uma chuvinha por lá, por isso o céu não favoreceu muito a cor da lagoa. Mas dizem que a cor da água justifica o nome do local.

12. Praia Preá

A Praia do Preá fica próximo a Vila de Jericoacoara, a cerca de 15 -20 minutos de Buggy. A praia tem opções de hospedagem já que é um dos locais preferidos dos Kitesurfistas pelo vento constante. Mas não é uma praia para relaxar e tomar um banho de mar, quem estiver procurando por isso é melhor ir para a Praia de Jericoacoara.  No passeio de Buggy, você vai passar pela Vila do Preá, onde a população vive em sua maioria de pesca e produtos artesanais.

A Praia do Preá é o Portão de entrada para chegar na Vila de Jericoacoara. O começo do Preá fica a cerca de 12 km de Jeri.

Vila do Preá. A cidadezinha vive de artesanato e pesca local.

13. Árvore da Preguiça

A Árvore da Preguiça também fica no caminho para a Lagoa do Paraíso, na praia do Preá. Vale dar uma paradinha com o Buggy para tirar uma foto na árvore que fica deitada no chão. O nome da árvore deu-se pela dificuldade que a pobrezinha tem de se erguer pelos ventos fortes e constantes da praia do Preá. Seus galhos se estendem por volta de 4 metros de distância da árvore.

A Árvore da Preguiça foi batizada assim por não conseguir se erguer pelos ventos constantes e fortes da Praia do Preá

Captura de Tela 2015-07-25 às 15.25.21

14. Pedra Furada

 A Pedra Furada é outro cartão postal de Jericoacoara. Vale a pena ir no fim-de-tarde conferir o Pôr-do-sol por lá. Mesmo indo de Buggy, a Pedra Furada fica em um Parque Nacional protegido, então é necessário andar cerca de meia hora a pé por uma praia para chegar até lá. Também dá pra ir a pé da Vila de Jericoacoara, mas aí é para quem estiver com mais disposição, já que são cerca de 2km de caminhada pelo meio de pedras e praias.

Pedra Furada, outro cartão postal de Jericoacoara.

1

Kitesurf e outros esportes para praticar quando estiver em Jericoacoara

1. Kitesurf

Jericoacoara é conhecida mundialmente por ser o paraíso do Kitesurf. E não é por menos: ventos constantes entre 15-25 nós, águas rasas ou profundas e diversas escolas locais fazem Jeri perfeita para iniciantes até profissionais do esporte.

A melhor época para ir à Jeri para praticar o esporte é entre Agosto e Janeiro (nesta época de Ago-Out os ventos são mais fortes e depois até Jan começam a tranquilizar). Então se você for iniciante, tente evitar os primeiros meses da temporada de vento, já que eles podem chegar a quase 30 nós (pra quem não tem noção é um vento MUITO forte).

Kite em Jericoacoara

Kite em Jericoacoara

Nós sempre tivemos o sonho de aprender o Kitesurf. Aquelas velas que colorem o céu, a liberdade de poder voar saindo do mar, sempre nos atraíram à fazer parte de todo esse movimento. Pois é, o Kitesurf que surgiu em meados de 2000, ainda é um esporte muito novo e caro. Para alugar os equipamentos e para ter aulas é preciso um belo de um investimento. Mas se você estiver em Jeri aproveite! Os melhores preços para aprender o esporte são lá tanto fora quanto dentro do Brasil.

Nós fizemos aulas com a escola Kitestrophic ,  ela fica na Rua da Praia em frente ao Mar, em Jericoacoara. O dono é um italiano que se chama Máximo. Ele e sua mulher mineira, Adriana, são instrutores e garantem a melhor estrutura, qualidade e segurança para quem quer aprender e também à quem quer apenas uma supervisão no esporte. Além do site http://www.kitestrophik.com/ você pode entrar em contato com eles pelo telefone (55) 88 99299-9339.

IMG_4862

Nós pagamos 720 reais por dois dias de Kite, três horas de aula por dia. Total de 6 horas de Kite em Jericoacoara. Pra vocês terem uma noção, em lugares como Ilha Bela, em SP ou até em ilhas do Caribe o preço para 6 horas de aula de Kite passa dos mil reais facilmente. Então a melhor dica que podemos dar é: Faça Kite em Jericoacoara. Além de ser o local com as melhores condições para a pratica também é um dos lugares mais econômicos para você aprender.

IMG_4859

IMG_4856

2. Surf e Stand Up Paddle

Poucos sabem disso, mas existe Surf em Jericoacoara. Pois é, existe um cantinho que quebram ondas perfeitas para quem curte o esporte e nós te contamos onde fica o secret spot (que de secret não tem nada): no canto direito da praia de Jericoacora. Nós alugamos uma prancha de SUP e outra de SURF na nossa escola de kite, a Kitestrophik, as duas por 30 reais uma hora. Remamos até o canto direito, onde quebram as ondas perto de umas rochas. Mas fiquem atentos quando estiverem por lá: Tem correnteza e vento. Então reme bastate para direita e fique sempre próximo dos locais que surfam por lá para não ser arrastado!

3. Windsurf

 O Kite e o Wind caminham juntos, onde tem um tem outro. Isso porque as condições do ambiente e clima são as mesmas. Os dois esportes precisam de vento constante e águas calmas. Jeri tem essas condições de sobra. Existem várias escolas de Windsurf na praia de Jeri e também o aluguel de pranchas. Tem uma area demarcada para o Wind que é em frente a praia. Nós não fizemos Wind dessa vez porque não deu tempo, mas voltaremos ainda pra fazer e pegar mais informações para vocês. E aí, alguém já fez Windsurf por lá? Tem dicas para dar pra gente? Não deixe de comentar aqui embaixo!

4. Andar a cavalo

Talvez uma das atividades mais gostosas pra se fazer em um fim-de-tarde em Jericoacoara. Alugue um cavalo por R$ 20,00 na R. das Dunas (próximo a Duna do Pôr-do-sol) e suba até lá para assistir ao entardecer. Vale a pena um passeio na praia. É uma atividade para toda a família e propicia visuais incríveis como este abaixo! :) IMG_4891

5. Sandboard

Para praticar Sandboard em Jeri é necessário sair da Vila de Jericoacoara. Você pode praticar o esporte quando for ao passeio ao lago da Tatajuba, ao lado oeste da cidade. Chegando lá vários homens virão te oferecer pranchas para alugar, aí você escolhe se quer descer de pé ou sentado. Cada um é responsável por uma prancha, ou seja, se você optar por fazer Sandboard vai pagar R$ 5,00 pela prancha, mas se quiser descer sentado depois precisará pagar outro homem que tenha a prancha do Skibunda por mais 5 reais para alugar. Escolheu a prancha, desceu, lá embaixo (que é bem embaixo mesmo) você tem a opção de pagar mais R$ 5,00 para ser resgatado de quadriciclo e evitar várias queimaduras no pé durante a subida na areia quente. Então você paga R$ 5,00 para descer e mais R$ 5,00 para subir! Tente negociar que eles sempre fazem um descontinho… PS: Recomendo a subida de quadriciclo, nós tentamos subir sem carona e não deu muito certo… hahaha  DSC_0500 DSC_0671

1

Os melhores restaurantes de Jericoacoara


A gastronomia em Jeri é ótima, especialmente para quem gosta de frutos do mar. Nós que adoramos camarões, lula e lagosta nunca pagamos mais de R$30 – 40 por um prato bem servido. Moquecas, risotos, massas entre outros pratos tem sempre a opção destes ingredientes por um preço justo. Além dos frutos do mar as opções de pratos são bem variadas. Em Jeri, pizzarias e restaurantes com música ao vivo também agitam as ruas da pequena cidade. Estes são alguns lugares que nós adoramos e que você deve colocar em sua listinha de restaurantes quando você for à Jericoacoara:

Chocolate

Esse restaurante ganhou o lugar do nosso Top 1 de Jeri. Todos que visitam a cidade precisam conhecer. Ele fica na R. do Forró, um pouco escondidinho mas super reconhecível pela placa , pela varanda cheia de mesas e sofás e pela cor vermelha. A especialidade da casa são pratos requintados que levam a alta gastronomia à Jericoacoara. E mesmo com esse requinte, os pratos tem preços entre R$ 30 – R$ 40. Comemos um Risoto de Camarão com Manga (incrível) e um risoto de Filet Mignon com Shitake. O restaurante tem um clima agradável para casais e amigos que procuram um pouco de exclusividade sem exageros.

No restaurante Chocolate. Alta Gastronomia e ambiente delicioso! Nosso top 1 de Jeri.

Leonardo da Vinci

Também uma ótima opção para quem busca alta gastronomia em Jericoacoara. O Restaurante fica próximo a praça de Jeri, na Rua Principal e a maioria de suas mesas ficam na rua mesmo, em cima da areia. É uma das casas mais “chiques” de Jeri (lembrando que o chique de lá é pelo tratamento no restaurante, ambiente e etc, porque de vestuário ninguém está nada preocupado). Vale a pena a visita também. Os preços são parecidos com os do Chocolate.

Restaurante Leonardo da Vinci. Reprodução: Trilhas e Aventuras

Mapa para o Restaurante Leonardo da Vinci. Com ele dá pra se situar bastante no que a gente está falando por aqui

Na Casa Dela

Uma das casas mais charmosas de Jeri. O restaurante traz um ambiente de conforto e hospitalidade com ótimos pratos brasileiros. Só de passar pela porta você já vai ter vontade de entrar e vale a pena! O restaurante fica embaixo do Leonardo da Vinci, na Rua Principal.

Tamarindo

O Tamarindo é um dos restaurantes mais badalados de Jericoacoara, com direito a Fila de espera e tudo. Não é por menos, é um dos ambientes mais bonitos de lá além da comida que é excelente. Sua localização também é bem fácil, fica em frente a praça de Jericoacoara. Os preços giram em torno de R$ 30-40 pelo prato.

Pimenta Verde

Nós fomos no Pimenta Verde no almoço e comemos uma moqueca de camarão excelente. É com esses pratos de frutos do mar e pelo ambiente pequenino e gostoso que o Pimenta Verde se destaca. Nós achamos ele perfeito para a hora do almoço já que os preços são mais baixos e é daqueles restaurantes que você come bastante por pouco. Ele fica  na esquina da rua São Francisco com o Beco Doce.

Araxá

O Araxá é um hotel que fica na R. das Dunas. Mas o restaurante dele é ótimo para quem está pensando em comer uma pizza em um ambiente super agradável. Como fica mais afastado do centrinho, acaba ficando com um clima mais exclusivo mesmo com as mesas na rua, além do ambiente do hotel que é lindo.

Gelato & Grano Sorveteria

Parada indispensável para a sobremesa. A sorveteria Gelato & Grano a mais balada de Jericoacoara, pelos ótimos sorvetes, pela arquitetura moderna e também pela ótima localização: Fica na praça principal de Jericoacoara. Vale a pena a visita !

Ótimo lugar para uma sobremesa. A sorveteria fica em frente a praça principal de Jericoacoara.

 

 

Deixe uma Resposta

11 Comentários

  1. Victor Chirichella

    Bom dia Caião e Vi, tudo bem?
    Conhecem alguma pousada, no estilo desta Rancho do Peixe, porém em Jeri mesmo?
    Queria bangalôs, frente mar, hidro, etc. Rsrs
    Beijos

    • vivaomundo

      vivaomundo

      Boa tarde Vitinho!!! Claro!!! Tem uma chamada Vila Kalango que é o mesmo estilo da Rancho do Peixe! Espero que goste, segue o site: http://vilakalango.com.br/

      Beijos e obrigada!!!

  2. Thaysa

    Boa tarde!!! vc indicaria conhecer jeri com um bebê de 1 ano??? E que pousada?
    Grata, Thaysa

    • vivaomundo

      vivaomundo

      Olá, Thaysa,

      Jericoacoara sempre é uma delicia. Minha opinião pessoal é que pode ser um pouco complicado visitar com um bebê pequeno por alguns fatores:
      - O modo de chegar, se não for de 4×4, não é dos mais confortáveis para um bebêzinho (balança, chacoalha e demora muito);
      - Como a cidade é toda de areia – às vezes fofa – não dá para passear com carrinho;
      - Os atrativos de Jeri não ficam no centro. Então você teria que fazer passeios de Buggie, pelas dunas, calor do Ceará e sol para conhecer os lugares mais legais.

      Acho que você aproveitaria muito mais esperando um pouquinho ele crescer um pouco para aproveitarem Jeri, fazendo passeios de buggy, andando a cavalo, curtindo o sol (sem problemas) e etc…
      Espero ter ajudado!!

  3. Patrícia

    Olá, irei a Jeri em Abril/16, estou organizando a viagem e me surgiu uma dúvida. Irei ficar por 3 dias, estou em dúvida onde me hospedar, vale a pena ficar 2 dois em jijoca aproveitando as lagoas e ir no ultimo dia fazer os passeios em vila de jeri? Obrigada

    • vivaomundo

      vivaomundo

      Olá, Patricia,

      Tudo bem?

      Olha, todo mundo que vai fica na Vila de Jericoacoara. Em Jeri, a cidade é mais charmosa, tem mais infra estrutura turística e boas pousadas. Jijoca costuma ser apenas um ponto de passagem. Vale a pena ficar os 3 dias em Jericoacoara para curtir a cidadezinha e pegar um buggy para conhecer as lagoas e atrações :)

      Nós recomendamos bastante a pousada Cabanas!

      Obrigada.

  4. talita

    Ola!! adorei suas dicas!!! vamos para jeri na próxima semana e estamos pensando em ficar uma noite em jijoca para aproveitar/descansar na lagoa do paraíso!! você saberia informar se seria melhor passar em jijoca primeiro ou depois de jericoacoara!?! bks

  5. tatiane salome de freitas

    Ola… adorei o blog!! quando foi a data dessa viagem?
    Minha amiga foi la em Jeri em setembro/2016 e falou que os preços são absurdos,
    to quase desistindo.

    • vivaomundo

      Olá, obrigada pelos elogios!

      Tatiane, realmente, em época de temporada os preços aumentaram bastante! Jeri se tornou point.
      A gente foi em 2013, e pelo que sei, as coisas deram uma bela inflacionada – uma pena!

      Mas vale a pena economizar para conhecer Jeri!

  6. Suelem

    Adorei as dicas!
    Estou indo sozinha para Jeri no próximo mês… Is sozinha dá uma desanimada… Mas é minha única opção no momento!
    Fiquei em dúvida entre ficar na Praia do Preá e na Vila… Mas estando sozinha, acredito que a Vila seja a melhor opção….
    Uma semana é muita coisa?
    Beijos!

    • vivaomundo

      Oi, Suelem,

      Que legal!! Espero que aproveite muito em Jeri.
      Com certeza para quem vai sozinha a Vila é uma opção boa, já que tem restaurantes, lojas, movimentos. No preá são mais os resorts de luxo mesmo!

      Uma semana é suficiente pra aproveitar bastante :).

      Beijos !!