Pontos Turísticos imperdíveis na Chapada dos Veadeiros

por Virginia Falanghe
22 comentários

Guia com informações, roteiro, transporte, onde ficar e tudo o que você precisa saber para conhecer os pontos turísticos da Chapada dos Veadeiros!

Os pontos turísticos que você tem que conhecer na Chapada dos Veadeiros

Cachoeira Santa Bárbara, em Cavalcante

Quando vimos pela primeira vez em uma foto a cor da cachoeira Santa Bárbara jurávamos que só poderia ser Photoshop. Bem, pagamos a língua. A água é exatamente – se não ainda mais  – cristalina do que você está vendo nesta foto, o que faz com que este seja um dos principais pontos turísticos da Chapada dos Veadeiros

O segredo e o diferencial da cachoeira está no fundo de calcário, que faz a a areia ficar branca e a água da cachoeira verde esmeralda. É uma das cachoeiras e piscinas naturais da Chapada mais indispensáveis.

Chegando no Quilombo Kalunga (onde fica a cachoeira), é obrigatório pagar um guia que cobra R$ 70,00 o passeio (você pode dividir este valor com quantas pessoas quiser). Além do guia, você precisa pagar mais R$ 20,00 de taxa para visitar Santa Bárbara. Os guias são os locais do quilombo o que pode ser bem interessante se você der sorte.

Pontos Turísticos imperdíveis na Chapada dos Veadeiros
Cachoeira Santa Barbarazinha – a irmã da Santa Barbara, em Cavalcante

Agende um almoço no restaurante do Quilombola – depois de visitar a cachoeira

Além disso, você pode agendar um almoço no restaurante do Quilombo, onde os locais fazem uma comidinha deliciosa: arroz, feijão, mandioca, carne, frango, peixe, etc… Comida bem brasileira! Você paga R$ 25,00 o almoço e come a vontade.

Mas você precisa avisar antes de partir para a cachoeira que quer comer lá e agendar uma hora. Nós achamos ótima a experiência. Marque lá pelas 13 hrs para não ficar esperando muito ficar pronto.

Dicas da visita à Cachoeira Santa Bárbara e Quilombola

Dica: Chegue entre às 10-14 horas, que é a hora que o sol bate na clareira e ilumina a cachoeira, fazendo a água ficar ainda mais turquesa 🙂 Agora, vamos aos prós e contras da Cachoeira Santa Bárbara:

Prós: É realmente uma das cachoeiras mais lindas que já vimos. Sem discussão. Vale a pena todo o esforço para conhece-la. É muito bacana conhecer um Quilombo e sua história, ainda mais almoçar com os locais e ouvir um pouco sobre a sua cultura e como eles vivem por ali. O almoço é ótimo.

Contra: Em feriados a cachoeira lota muito! O limite de pessoas por vez na cachoeira são 60. Mas imagine 60 pessoas ali… perde um pouco o encanto! Por isso, tente chegar as 10 em ponto para pegar um momento de paz. Você viaja quase 2 horas a mais de São Jorge para chegar na cachoeira, mais 2 horas pra voltar. Se você ficar em Cavalcante fica mais tranquila a distância, são apenas 40 minutinhos.

Constatações: Ir a Chapada dos Veadeiros e não conhecer a cachoeira Santa Bárbara é como ir para Paris e não ver a Torre Eiffel. Vale a pena o esforço sim, ainda mais se você for em uma temporada sem tanto movimento. 🙂

Pontos Turísticos imperdíveis na Chapada dos Veadeiros
Expectativa x Realidade: cachoeira Santa Barbara

Em Cavalcante, um guia local nos falou também de uma cachoeira recém aberta para o turismo chamada Cachoeira Bom Jesus. Acho que vale a pena perguntar ao pessoal da cidade sobre ela! Ele nos garantiu que era tão linda quanto Santa Bárbara e sem tanto turismo. Depois se você for, conta pra gente tá?

Vale da Lua

Um dos cartões postais da Chapada dos Veadeiros. O Vale da Lua é passagem obrigatória, até porque é uma visita rápida 5 minutinhos antes de chegar em São Jorge.

O Vale tem formações rochosas super interessantes que parece mesmo que você está andando nas crateras da lua. O Vale da Lua fica na estrada que liga Alto Paraíso a São Jorge. Você paga R$15,00 para entrar por pessoa, em uma fazenda particular.

São 600 metros de trilha (não dá nem 10 minutinhos). Nós fomos voltando de Santa Bárbara e foi ótimo. O Vale da Lua fecha às 17 horas, então fique atento aos horários!

Pontos Turísticos imperdíveis na Chapada dos Veadeiros
Vale da Lua, um dos ‘musts’ na Chapada dos Veadeiros

Faça as trilhas do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

Antes de ir à Chapada dos Veadeiros eu não entendia muito bem quando as pessoas me falavam: visite o Parque Nacional. Eu achava que toda a Chapada dos Veadeiros ficava no Parque Nacional. Mas não é bem assim.

Apesar de abraçar uma área enorme, o Parque retém apenas algumas das atrações da região. Porém, é um MUST para quem visita a Chapada. O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros fica a 10 minutinhos da vila de São Jorge de carro.

Você tem duas opções de trilhas bem bacanas para fazer:

A trilha que leva a Cachoeira dos Saltos  (11km ida e volta) ou a trilha que leva aos Cânions e a Cachoeira dos Cariocas (12 km ida e volta). Como nós só tínhamos um dia para dedicar ao parque, nós decidimos fazer as duas trilhas em um dia só!

Começamos a andar as 9 da manhã e voltamos às 17 horas, mas conseguimos fazer os 23km e conhecer as principais trilhas do parque  em um dia só! A trilha é pesada, não é fácil!

Trilha 1: Cachoeira dos Saltos e Corredeiras (11 km de caminhada total)

Nesta trilha você vai conhecer duas cachoeiras incríveis. A cachoeira do Salto do Rio Preto que tem 120 metros de altura (essa você vê de um mirante) e logo ao lado você pode tomar banho na Cachoeira do Garimpão, que tem queda de 80 metros. São 5 km de trilha de ida, com bastante decida em meio a vegetação linda do cerrado. Na volta, você pode optar por andar mais 2 km e visitar as Corredeiras (nós não fomos lá). E depois, a volta para a entrada do Parque tem mais subida e é mais complicada.  Não deixe de notar no meio da trilha em alguns buracos, estes eram antigos garimpos que existiam na Chapada dos Veadeiros.

Pontos Turísticos imperdíveis na Chapada dos Veadeiros
Cachoeira do Salto, no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros
Trilha 2: Cânions e Cachoeira dos Cariocas (12 km total)

Esta é uma trilha mais tranquila por ser mais plana, apesar de mais comprida. Você vai conhecer os Cânions e a Cachoeira dos Cariocas. Também vale muito a pena. Na época de seca, você pode nadar e tomar banho da Cachoeira dos Cariocas e nos Cânions também! A paisagem é deslumbrante.

Pontos Turísticos imperdíveis na Chapada dos Veadeiros
Cânions no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros – Roteiro Chapada dos Veadeiros: 4 dias no paraíso | Chapada dos Veadeiros O que fazer

Almécegas I e II

As Cachoeira das Almécegas ficam dentro da Fazenda São Bento, a 20 minutos de São Jorge sentido Alto Paraíso (fica a apenas 5 minutos de carro de Alto). É preciso pagar R$ 15,00 para entrar na Fazenda. Lá, você tem duas cachoeiras para visitar: A Almécegas I e II e também pode fazer tirolesa!

Na Almécegas I, os mais aventureiros podem saltar de uma pedra de 12 metros de altura (tem que ser MUITO corajoso, sério, é alto). O Caio foi. Tem uma trilha que leva lá para cima da pedra, o acesso é fácil. Mas o pulo… Tem que saber saltar, se não você pode quebrar uma costela fácil no impacto com a água! Então tome bastante cuidado, ok? Para chegar na cachoeira são 2 km de trilha só para ir.

A Almécegas II tem um acesso bem fácil, são apenas 300 metros de caminhada. Então vale a visita pela facilidade!

Pontos Turísticos imperdíveis na Chapada dos Veadeiros
Cachoeiras Almécegas, na Fazenda São Bento Roteiro Chapada dos Veadeiros: 4 dias no paraíso | Chapada dos Veadeiros O que fazer

Cachoeira Almécegas I. Fazenda São Bento, Alto Paraiso. GO

Catarata dos Couros

Essa é outra que não conseguimos ir por falta de tempo, mas nos falaram muito bem! Ela estava em nosso roteiro mas precisamos desistir de última hora porque quisemos fazer a tirolesa acima.

Enfim, ela fica na estrada no caminho de volta para Brasília. O problema é que apesar dela ficar no caminho de volta, você precisa pegar uma estrada de terra por mais 30km. Mas quem vai garante que vale a pena.

Cachoeira do Segredo

Esta também estava em nossos planos, mas como estava chovendo o nível das águas subiu e não conseguimos ir. Fique atento! Dizem que é uma trilha linda, que você precisa cruzar um rio várias vezes. Mas que o trajeto todo de ida e volta dura em torno de 5 horas. Também fica pertinho de São Jorge.

Transporte pelos pontos turísticos na Chapada dos Veadeiros

Para se locomover entre os pontos turísticos na Chapada, a maioria das pessoas opta por alugar um carro. A RentCars oferece serviços ótimos para quem deseja se deslocar desse jeito, sendo que você pode pegar o carro já no aeroporto e só devolvê-lo na volta.

Reservando antes faz com que você garanta seu transporte por lá, evite filas e ainda por cima encontre ótimos descontos que o site oferece.

Outras pessoas optam também por se locomover por transfers fretados, principalmente quando se viaja em mais gente. É uma opção ótima também, mas não tem a facilidade do carro, que você pode pegar a hora que quiser e ir para onde desejar.

Onde se hospedar na Chapada dos Veadeiros

Hospedagem é sempre uma questão importante quando se viaja para um lugar novo, por isso separamos a dedo pousadas na Chapada dos Veadeiros que adoramos e recomendamos, para você poder escolher sem ter que morrer de pesquisar!

Separamos duas aqui para você já ir lendo!

Pousada Casa da Lua

A Casa da Lua fica na região mais central da Chapada, entre São Jorge e Cavalcante. Fica a três horas de Brasília e a 30 minutos de São Jorge.

Cercada por uma extensa verde, a Casa da Lua possui de áreas de estar super aconchegantes, cobertas e ao ar livre, além de Wi-Fi gratuito. O restaurante serve uma variedade de refeições incluídas na diária.

Weekend Yoga Resort Paraíso dos Pândavas

Localizada também na região central, na cidade de Alto Paraíso de Goiás, o resort é encantador. Oferecendo uma piscina ao ar livre de água termal, esse lugar tem uma pegada diferente, com uma imersão em yoga aos finais de semana, com meditação e cânticos de mantra.

Você pode usufruir também de serviços de Wi-Fi gratuito, aulas de yoga e passeios com guia pelas cachoeiras das proximidades, tudo grátis!

Leia mais sobre a Chapada dos Veadeiros:

Indispensável no Roteiro: Os Pontos Turísticos e Cachoeiras Chapada dos Veadeiros

Pousada Chapada dos Veadeiros: Testamos e recomendamos

Onde Comer na Chapada dos Veadeiros

Roteiro: Feriado na Chapada dos Veadeiros

You may also like

22 comentários

José Carlos agosto 4, 2015 - 5:17 pm

Gostei muito das dicas. Amanhã iremos para chapada e já anotei suas recomendações.
Parabéns .

Reply
vivaomundo agosto 4, 2015 - 9:53 pm

Olá, José Carlos,

Muito obrigada pelos elogios! Ficamos muito contente que tenham gostado. Estes comentários fazem nosso trabalho valer a pena 🙂

Espero que aproveitem bastante na Chapada!

Abs,

Reply
grasi demetrio outubro 8, 2015 - 7:55 pm

Melhores dicas que achei até agora! Muito obrigada e parabéns pelo blog 🙂

Reply
vivaomundo outubro 8, 2015 - 11:05 pm

Que incrível saber disso! Compensa todo o trabalho. Muito, muito obrigada 🙂 Espero que aproveite muito a Chapada!

Reply
Heloisa dezembro 16, 2015 - 8:45 am

Bom dia!!!
Parabéns, esse post da chapada ajudou muito (principalmente onde comer e valores de tudo).. já conheço Alto Paraíso, mas não tive oportunidade de fazer grandes passeios pela chapada, estou indo em Janeiro passar uns 20 dias por lá! Anotei todas suas recomendações e quando voltar conto como foi pra vocês..
Abraços

Reply
vivaomundo dezembro 16, 2015 - 8:56 am

Bom dia, Heloísa!
Que boa noticia. Ficamos muito contentes em saber que ajudou, faz o trabalho valer a pena 🙂
Aproveite muuuuito a Chapada e depois nos conte sim como foi 🙂
Bjs!

Reply
Camila dezembro 17, 2015 - 4:59 pm

Ola! Quero uma dica sobre o terreno das trilhas, como é, muito acidentado? Escorregadio? Tem muitos mosquitos? Vamos pra la no natal, e tenho muita preguiça de fazer as trilhas com tênis, deixo de entrar nas cachoeiras por conta da função de tirar, colocar, tirar, colocar… estava pensando em ir com um crocs dessa vez, ainda que sejam distantes, acho um pouco menos trabalhoso… adorei as dicas!

Reply
vivaomundo dezembro 28, 2015 - 2:55 pm

Olá, Camila,

Tudo bem?

O terreno é de terra e pedras, por isso, acaba sendo escorregadio se chover por lá! Além disso, tem várias descidas íngremes. O crocs funcionaria super bem se as distâncias fossem mais curtas e o terreno estiver seco, mas aí você que decide 🙂

Reply
áquila janeiro 3, 2016 - 10:25 pm

Muito detalhada a viagem como sou de SP me ajudou muito as dicas Obrigado!!!

Reply
vivaomundo fevereiro 10, 2016 - 10:35 pm

Obrigada, Áquila!!! Uma ótima viagem 🙂

Reply
Francisco janeiro 18, 2016 - 7:19 pm

Olá,
Vou para a Chapada em julho e peguei várias informações e dicas do blog. Super obrigado.
Parabéns.
Francisco

Reply
vivaomundo fevereiro 10, 2016 - 10:35 pm

Muito obrigada, Francisco! Aproveite muito!!!!

Reply
JOCIMAR RONCOLATO fevereiro 8, 2016 - 10:46 am

Foram as melhores dicas que eu consegui espero que com essas dicas minha viagem se torne inesquecível, agradeço muito pelo seu post , sucesso e mais uma vez obrigado!!!!!!!!!

Reply
vivaomundo fevereiro 10, 2016 - 10:35 pm

Olá! Muitíssimo obrigada, Jocimar 🙂 Aproveite muito por lá!

Reply
Ana Carolina abril 21, 2016 - 6:53 am

Adorei todos os comentários e este feriado irei utilizar todas as dicas deram! Muito bom!

Reply
vivaomundo abril 21, 2016 - 9:07 am

Obrigada, Ana Carolina! 🙂

Reply
Maria José maio 9, 2016 - 2:03 am

Adorei as dicas! Estamos indo no final al de maio para chapada é não vejo a hora de poder curtir todas essas cachoeiras maravilhosas.. Vale !!!

Reply
Tiago janeiro 15, 2017 - 7:50 pm

Muito legal… pena que passarei por lá e ficarei apenas 1,5 dia.
Acho que vou ficar em Alto paraíso msm e conhecer algo rápido por lá.

Vcs recomendam algo diferente?
Abcs
Tiago

Reply
vivaomundo fevereiro 23, 2017 - 4:12 pm

Oi, Thiago!

Que pena que você vai ficar pouco tempo. Ali na estrada a caminho de Alto Paraíso tem a cachoeira dos Couros que dizem ser linda!

Depois conte como foi :). Boa viagem!
Abs,

Reply
Fábio Arthur março 21, 2017 - 11:24 am

Iremos para Chapada em 03 de julho 2017. Suas dicas foram muito úteis para nos organizarmos melhor. Muito obrigado e parabéns pela iniciativa!

Reply
Aline Narimatsu outubro 22, 2018 - 10:17 pm

Olá, é fácil de contratar guia par aos passeios? Você tem algum telefone para entrar em contato?
Obrigada,

Reply
Virginia Falanghe outubro 25, 2018 - 8:44 pm

Oi, Aline,

Tudo bem?

Na cachoeira Santa Bárbara é super fácil de contratar – na verdade é obrigatório. Então quando você chegar já vão ter vários guias disponíveis.

Já nas cidades de Alto Paraíso e no Vilarejo de São Jorge você também vai ver várias agencias que oferecem guias. Você também pode pedir por um no camping/hotel. Então acho que é bem fácil mesmo!

Espero que você aproveite muito sua viagem :).

Bjs

Reply

Deixe um comentário