Chapada dos Veadeiros

por Virginia Falanghe
7 comentários

O tesouro do Cerrado: conheça a Chapada dos Veadeiros

 Guia com informações, roteiros e tudo o que você precisa saber para visitar a região.

Por: Caio Lorenzi e Virginia Falanghe

Existem lugares que tocam a alma. Deixam os dias de nossas férias mais longos, as sensações aguçadas, nos deixam conectados com nossa essência e natureza. A Chapada dos Veadeiros é um destes paraísos tão raros de encontrar.

Localizada em meio ao Cerrado de Goiás, este tesouro escondido resguarda cachoeiras maravilhosas, paisagens de tirar o fôlego, cidades para todos os gostos e uma magia única em cada passeio. A apenas três horas de carro de Brasília,  a Chapada dos Veadeiros continua extremamente preservada pelo Parque Nacional e fazendas privadas que cuidam das diferentes atrações que existem dentro delas. A natureza por lá parece que foi pintada à mão.

É uma viagem que encaixa bem com quem gosta de trilhas, aventuras, natureza, lugares inexplorados, cidades rústicas ou de interior e gostam de uma certa mística no ar.  Nós visitamos a Chapada dos Veadeiros na Páscoa e anotamos todos os detalhes para você planejar sua viagem. Assim, ninguém precisar ficar passando sufoco, perdendo horas na internet para entender como as coisas funcionam por lá. Vamos por partes:

Chapada dos Veadeiros: O Guia completo deste paraíso | Viva o Mundo

Cachoeira do Salto, no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

Chapada dos Veadeiros: A melhor época

A melhor época para conhecer a Chapada dos Veadeiros é nos meses de Junho, Julho e Agosto. Apesar de ser inverno e as temperaturas ficarem mais frias, esta é a época de seca na região. Ao viajar para lá nestes meses, você pode ficar tranquilo que não vai ter que se preocupar com trilhas cheias de barro e perigosas por causa das chuvas. Muito menos, com alagar a barraca do camping ou ter que deixar de conhecer alguma cachoeira porque o nível de água está muito forte.

Estas coisas acontecem com quem viaja em outras épocas do ano para lá. Como fomos em abril (que deveria ser o início da época de seca), não demos tanta sorte assim com o tempo. No fim, pegamos algumas boas chuvas por lá e algumas cachoeiras estavam inacessíveis pelo nível das águas.  🙄

Como chegar na Chapada dos Veadeiros:

O acesso para chegar na Chapada dos Veadeiros é tranquilo saindo de Brasília. Porém, vá com GPS e ative a rota antes de sair da cidade (porque no meio da estrada não tem internet). Nós saímos à noite de Brasília e fomos direto para a cidade mais distante, que é Cavalcante. No fim,  a viagem demorou 4 horas de carro.

A cidade mais próxima de Brasília,  na Chapada dos Veadeiros, é Alto Paraíso de Goias. O tempo desta viagem é de aproximadamente 3 horas de carro.

Nós alugamos no aeroporto de Brasília, com a AVIS, um Fiat Uno (o mais barato que tinha) e ele foi um super companheiro nas aventuras. Atravessou rios e afins! Conclusão, ele quebra bem o galho para quem está querendo economizar como a gente :). Nós falamos mais sobre o aluguel, preços e etc abaixo.

O que você precisa saber antes de planejar a viagem.

Quais são as melhores cidades para se hospedar na Chapada dos Veadeiros:

Quando começamos a organizar nossa viagem tivemos muita dificuldade para entender bem como são as disposições das cidades da região, quais valem a pena visitar e se hospedar. São três cidades que você pode ficar na Chapada: São Jorge, Alto Paraíso e Cavalcante. Nós ficamos nas três para conhecer mais o local e recomendamos :).

São Jorge

Se o seu estilo é aventureiro, gosta de trilhas, vilarejos com ruas de terra, música ao vivo a noite e atrações que podem ser visitadas a pé o seu lugar é São Jorge. O Vilarejo é composto por três pequenas estradas de terra paralelas. Se você andar rápido demais, você nem percebe que já atravessou a cidade. Mas este é o charme do vilarejo… É um lugar cheio de gente jovem, descontraída (algumas super alternativas). Além de pessoas que gostam de trilhas, natureza e curtem uma experiência mais rústica em meio a natureza.

São Jorge é a cidade que tem acesso ao parque Nacional da Chapada dos Veadeiros (com duas trilhas principais que ficam dentro do parque) e do Vale da Lua.  Além disso, tem o melhor restaurante que já fomos na vida (sim, fica neste vilarejo e te conto no post onde comer na Chapada dos Veadeiros ;)) . O Vilarejo fica a 30 minutos de Alto Paraíso de Goiás e 3h30 de Brasília.

Algumas dicas rápidas de pousada Chapada dos Veadeiros:

Campings e Hostels (menos de R$ 100/diária): Camping Tauá Ambiental | Savana Hostel

Pousada com bom custo-benefício (menos de R$ 300/diária): Pousada Raizes | Namaste Pousada e Terapias

Pousadas de alto padrão (aprox. ou mais de R$ 300/diária): Baguá Pousada | Pousada Bambu Brasil

Vale lembrar que estas pousadas geralmente são bem concorridas, então a boa dica é fazer a reserva o quanto antes para não perder a chance de ficar em um lugar bacana. 

Alto Paraíso de Goiás

Se você é mais tranquilo, quer sossego, não está muito ai para trilhas, gosta de uma cidadezinha com mais infraestrutura, e boas pousadas. Além disso, quer ficar em uma região central (entre São Jorge e Cavalcante). Ah, e tem um viés místico ou gosta de histórias de ET’s (sim, a cidade é referência nacional de Ufologia – o estudo de relatos de OVNIS e etc), o município de Alto Paraíso de Goiás é o seu lugar. É possível chegar em Alto Paraíso em 3h de viagem de carro de Brasília.

Campings e Hostels (menos de R$ 100/diária): Hostel Aventura

Pousada com bom custo-benefício (menos de R$ 300/diária): Pousada Rancho dos Ipês 

Pousadas de alto padrão (aprox. ou mais de R$ 300/diária): Pousada Casa da Lua | Weekend Yoga Resort Paraíso dos Pandavas

Confira o mapa de pousadas em Alto Paraíso:



Booking.com

Cavalcante

Agora, se você já foi para a Chapada dos Veadeiros e está procurando novas alternativas de passeios de ecoturismo, considere ficar na cidade de Cavalcante. O local também é o lugar para quem sonha em conhecer a cachoeira mais linda da Chapada dos Veadeiros, a Cachoeira Santa Bárbara e suas piscinas naturais. O único problema é que ela é a cidade mais afastada da região, fica a 1 hora ao norte de carro de Alto Paraíso.

Nós ficamos nossa primeira noite em Cavalcante ( 4 horas de viagem saindo de Brasília), em uma pousada sensacional! Você confere no post Pousadas na Chapada dos Veadeiros. Passamos a noite lá, visitamos a Cachoeira Santa Bárbara e depois voltamos 1h30 de carro para São Jorge, onde ficamos mais duas noites.

Campings e Hostels (menos de R$ 100/diária): Hostel e Camping Cavalcante

Pousada com bom custo-benefício (menos de R$ 300/diária): Pousada Aruana

Pousadas de alto padrão  (aprox. ou mais de R$ 300/diária): Pousada Vale das Araras

Chapada dos Veadeiros: O Guia completo deste paraíso | Viva o Mundo

Cachoeira Santa Barbarazinha – a irmã da Santa Barbara, em Cavalcante

Está saindo de São Paulo? Economize dinheiro na ida ao Aeroporto de Guarulhos (se for o caso):

Nós sempre ficamos em um certo dilema de como ir para o Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, São Paulo. Como moramos bem longe do aeroporto, sempre precisávamos optar por opções de doer o bolso. Pagar cerca de R$ 180,00 de táxi só para chegar até lá, pegar o Airport Bus que sai de vários pontos de SP (R$ 42,00 o trecho) ou pedir carona para alguém. Enfim, decidimos optar por uma opção diferente desta vez.

Já que iríamos passar apenas 4 dias, porque não deixar o carro em um estacionamento lá perto? Nós descobrimos o estacionamento Multipark e agora até para viagens longas vamos parar lá porque vale a pena! Você paga R$ 14,00 reais a diária, pode reservar sua vaga com antecedência no site e tem translado para o aeroporto que sai a cada 20 minutos e te pega na volta também! Não é perfeito?

O trajeto do translado para o aeroporto dura em torno 15 minutos (sem trânsito – é bom sempre ficar atento aos horários de rush). O serviço é ótimo e as vagas são cobertas. Fica em uma avenida na periferia de Guarulhos nas redondezas do aeroporto, mas é tranquilo!

Obs: Se você chegar entre as 2 e 4 da manhã precisa ligar no estacionamento para irem te buscar no aeroporto.

Alugue um carro em Brasília para ter liberdade na viagem a Chapada dos Veadeiros. 

Antes de ir para a Brasília reserve um carro. Nós encontramos o melhor preço (queríamos o carro mais barato de todos) neste site aqui. Deu super certo, achamos o nosso carro pela Avis e alugamos a categoria mais simples que foi um Fiat Uno. Pagamos 4 diárias do carro, com seguro (sempre importante fazer, viu?) R$ 333,00.  Se você dividir este valor por 2 ou 4 fica tranquilo. Ai, você tem toda a liberdade para explorar a Chapada dos Veadeiros como quiser.

Chapada dos Veadeiros: O Guia completo deste paraíso | Viva o Mundo

Nosso Uninho guerreiro, aguentou entrar em rios e estradas esburacadas. Alugue pela Rental Cars

É preciso contratar guia para visitar as atrações?

Ao contrário do que muitos blogs falam, na Chapada dos Veadeiros você não precisa de Guia para todos os passeios. 

Para as trilhas que são cartões postais da Chapada dos Veadeiros não é necessário guia, viu? Só se você quiser alguém para acompanhar e contar histórias (mas ai pegue alguém de agência, que seja credenciado e saiba do que está falando). O único guia que é obrigatório mesmo é o da Cachoeira Santa Bárbara. Já as trilhas para a Cachoeira do Salto, Corredeiras, Cânions e Carioquinhas no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, em São Jorge, você pode fazer sem Guia. As trilhas são muito, muito bem sinalizadas e tem bombeiros em cada uma das atrações.

Claro, estamos falando das atrações que nós visitamos, ok? Elas estão no post Atrações e Cachoeiras Chapada dos Veadeiros

Tome cuidado com as cabeças D’água

Se você vai tomar banho de cachoeira por lá (obviamente que vai, rs!), é melhor ficar atento. Principalmente se você vai visitar a Chapada dos Veadeiros na época de chuva. Este fenômeno funciona assim: começa a chover forte em um ponto alto do rio. Do nada, o nível da água começa a subir e vem uma “avalanche” na queda d água. Muitas vezes, passa pelos pontos de banhos turísticos da região. São três os sinais para ficar atento com as cabeças d’água. Veja as núvens e observe se está chovendo em algum ponto mais alto do rio. Depois, marque uma pedra onde você estiver, fique atento se o nível da água começa a subir. O último passo é se a água começa a ficar turva. Ai saia correndo e salve-se quem puder!

Continue lendo nosso guia da Chapada dos Veadeiros:

Planeje sua viagem para a Chapada dos Veadeiros

Fuja de filas, consiga os melhores preços e viaje com internet ilimitada.

Criamos o checklist abaixo para te ajudar a planejar a sua viagem de um jeito fácil – e com bons descontos ?:

? SEGURO VIAGEM: Não esqueça de fechar o seu seguro viagem! Use o cupom VIVAOMUNDO5 para ganhar até 10% de desconto em Seguros Viagem na Seguros Promo. (Para saber mais, confira como conseguir descontos em Seguro Viagem)

? HOSPEDAGEM: Faça reservas com o Booking.com e garanta as melhores ofertas em hotéis e pousadas.

ALUGUEL DE CARROS: Compare os preços das melhores empresas de aluguéis de carros no Rental Car.

Esperamos que essas dicas te ajudem a economizar e fazer uma ótima viagem! ?

(Foto: WePlann | CC BY-SA 2.0)

You may also like

7 comentários

Os 20 lugares mais bonitos do Brasil - pela visão dos gringos - Blog Viva o Mundo agosto 18, 2015 - 12:52 am

[…] Também fomos à Brasília e fizemos um Roteiro da cidade e da Chapada dos Veadeiros, que fica na região e também vale a visita. Vem conferir, é só clicar aqui […]

Reply
Nathalia Oliveira Nunes dos Santos janeiro 22, 2016 - 11:45 am

Relato maravilhoso!!! Ajudou mtmtmt! Obrigada por compartilhar 🙂

Reply
Virginia Falanghe maio 30, 2019 - 4:13 pm

Oi, Nathalia! Que bommm que ajudou! Fico muito contente 🙂

Reply
Gabriela Gomes fevereiro 23, 2017 - 4:04 pm

Muito bom o relato! Parabéns!
https://colecaodeviagens.wordpress.com/

Reply
Virginia Falanghe maio 30, 2019 - 4:13 pm

Obrigada, Gabriela! Fico feliz que tenha gostado 😉

Reply
Bárbara Braga dezembro 11, 2019 - 7:04 am

Olá Virgínia, obrigada por esse post. Está me ajudando a planejar minha ida. O único problema que o link de continuação está dando erro..atrações na chamada dos veadeiros.

Reply
Virginia Falanghe dezembro 22, 2019 - 10:45 pm

Oi, Bárbara,

Que bom que o post ajudou :). Obrigada por avisar do link. O correto é esse aqui e já vou arrumar lá tb:
https://vivaomundo.com.br/cachoeiras-chapada-dos-veadeiros/

Muito obrigada!
Bjs

Reply

Deixe um comentário