Montanhas vulcânicas cercadas por florestas, praias paradisíacas com lindos recifes de corais, arrozais e templos. Essas são apenas algumas das características que fazem com que Bali seja o destino e o sonho de muitos turistas pelo mundo.

Com seus visuais extremamente convidativos, ilhas paradisíacas, águas cristalinas de areia branca, badalação e também templos hindus que pregam a calma, Bali é um lugar extremamente rico em cultura, paisagens e vida, com uma ótima energia que parece emanar de cada cantinho e envolver quem quer que seja. 

Os principais atrativos de Bali se concentram na parte sudoeste da ilha, um pouco mais na península de Bukit, onde ficam as praias mais bonitas.

É também na costa onde estão Semyiak e Canggu uma contrastando com a outra, apesar de sua proximidade, no quesito de estilo de vida. Do outro lado, fica Keramas, o point do surfe. No centro, Ubud, o centro espiritual de Bali.

O que fazer e onde ficar, depende, e muito, do tipo de experiência que você quer ter em Bali, mas se você quer fazer de tudo um pouco, reserve pelo menos 10 dias para conhecer as principais atrações que a ilha tem a oferecer.

Nesse guia, separamos as 29 atrações que você não pode perder quando estiver em Bali. Confira.

Neste post:

O que fazer em Bali - 30 atrações imperdíveis
O que fazer em Bali – 30 atrações imperdíveis

Onde ficar em Bali

As principais regiões para se hospedar em Bali ficam concentradas na parte sudoeste da ilha. Pense no seguinte triângulo: de Canggu, a Ubud e à península de Ulutawu é onde ficam as principais praias, cidades e atrações. E, depois, para quem quer seguir roteiro nas ilhas próximas Nusa Lembongan, Nusa Penida e as Gili’s.

Confira nossas dicas e sugestões sobre onde ficar em Bali.

O que fazer em Semyiak e Canggu

Essas são as duas regiões que estão mais em alta no momento.

De um lado, temos Canggu, um vilarejo bem rústico no meio dos arrozais e perto da praia. Quem visita Bali tem optado por ficar por ali e não se decepciona: existem várias opções de restaurantes saudáveis, fica perto de vários templos e tem uma maior imersão com a natureza.

O único problema de Canggu é que a praia tem uma areia muito escura, fazendo com que ela não seja considerada uma das mais bonitas de Bali. Mas ainda assim é um ponto excelente para quem gosta de fazer longboard e, principalmente, para quem quer aprender a surfar: ali as ondas são mais tranquilas. 

Se você não está hospedado nessa área, recomendamos que passe pelo menos o dia por ali. Vale muito a pena.

Do outro lado temos Semyiak, o lugar mais sofisticado e agitado de Bali. Tem ótimos restaurantes, beach clubs e hotéis. A praia é mais bonita, com areia mais branca e o point para quem quer curtir um estilo de vida mais agitado e festas mais americanizadas em meio à Bali.

É ali, também, que se encontram lindas lojas, todas bem sofisticadas, mas sempre com o espírito balinês.

Deus Ex Machina Store – Canggu

Pertencente a marca Deus Ex Machina que vende peças de moto e equipamentos para surfistas, a loja tem também um restaurante nesse vilarejo de Bali.

Por se tratar de uma marca bem famosa e, atualmente, bem na morada, vale a pena a para para almoço.

Tanah Lot Temple

Bali tem muitos templos e cada um com a sua peculiaridade, mas um que você não pode deixar de visitar é o Tanah Lot Temple.

O templo fica em cima de ilha e não pode ser acessado, mas sim visto do vilarejo que o entorna. Tanah Lot Temple não é o mais bonito de Bali, mas vale a pena pela paisagem lindíssima, principalmente ao entardecer, com o sol se pondo no horizonte.

Lembrando que em todo templo de Bali é necessário o uso de Sarongs (traje típico da ilha), tanto por homens quanto por mulheres, e cobrir até os pés. 

É possível alugar um na hora de chegada ao templo, mas são tão lindos e baratos que vale a pena comprar e usar o seu nos outros templos que visitar.

O que fazer em Bali - 30 Atrações Imperdíveis
Tanah Lot Temple

Happy Hour no Potato Head em Semyniak

Um clube de praia muito conhecido em Bali, o Potato Head é uma boa opção para tomar um drink, conversar e curtir a vibe com os amigos. Os preços são um pouco mais caras, equiparando-se aos bares dos Estados Unidos nesse quesito, mas é um local bem sofisticado e arquitetônico.

O que fazer em Bali - 30 atrações imperdíveis
Potato Head em Semyniak.

Aulas de Longboard em Canggu

A praia de Canggu é ótima para quem quer aprender a surfar, principalmente na modalidade do longboard: as águas são mais tranquilas.
Levando isso em consideração, existem várias escolas na região que podem te ajudar nesse novo desafio.

Arrozais em Canggu

Bali não seria Bali sem seus arrozais que rendem paisagens e fotos de tirar o fôlego. E em Canggu, você tem a oportunidade de explorar alguns desses arrozais, aproveitando que o vilarejo é cheio deles também.

O que fazer em Kuta: 

Kuta é a capital de Bali e onde os locais moram. Se tivesse que definir a cidade em uma palavra, ela seria “caos”. 

A cidade é bem grande e quase que como uma Bangkok no quesito trânsito, com vias seguindo a mão inglesa, carros e motos se misturando à vendedores das lojas locais sempre tentando te convencer a comprar alguma coisa. 

Mas, apesar de tudo, é uma experiência muito interessante, pois mostra como é o estilo de vida deles.

Compras em Kuta

É ali que se encontram tanto lojas mais baratas para comprar lembrancinhas para os familiares e amigos quanto lojas de grife. 

Tire o dia para fazer compras em Kuta e sinta-se deslumbrado com a quantidade de souvenirs disponíveis.

Comer no Sushi Kyuden

Se você gosta de comida japonesa, esse é um lugar que não pode faltar na sua lista. Além de as porções serem bem satisfatórias, a comida muito boa e o ambiente ser bem agradável, o preço dos pratos são bem em conta, variando de R$10 – R$150.

O que fazer na Península de Bukit:

Localizada no extremo sul da Ilha, a península de Bukit contrasta com o restante de Bali pelo fato de ser uma região seca com paisagem seca e rochosa, mas nem por isso ela é menos bonita que as outras partes, pois é ali que ficam as praia de Jimbaran, por exemplo, e Uluwatu, o reduto do surfe em Bali.

Yoga na Praia de Balangan

A praia de Balagan é muito bonita. Paraíso dos surfistas e dos visitantes que ficam deslumbrados ao admirar as falésias da praia, é lá também que se pode fazer yoga.

Por uma taxa bem pequena, é possível se juntar ao Balangan Yoga and Love com instrutores de yoga sempre dispostos a ajudar os alunos. As aulas ocorrem às 07h30, 9h e 17h e são ótimos momentos no qual você pode se sentir em calma com a natureza, tendo uma linda vista da Oceano Índico.

O que fazer em Bali - 30 atrações imperdíveis
Yoga na Praia de Balangan ao pôr do sol

Padang Padang Beach

Uma das praias que os visitantes mais gostam e talvez mais conheçam por ser cenário do filme Comer, Rezar, Amar, Padang Padang Beach é uma praia pequena, cercada por pedras que, para ser acessada, é necessário descer um lance de escadas por uma mata. 

O esforço vale a pena, pois a pequena praia, apesar de ter uma infraestrutura limitada, é lindíssima, com águas cristalinas que chegam a ser mornas. 

O que fazer em Bali - 30 atrações imperdíveis
Praia de Padang Padang, pertinho de Uluwatu.

Dreamland Beach

Uma das praias “escondidas” em Bali, a praia Dreamland tem seu acesso limitado, ou seja, algumas poucas pessoas por vez podem chegar até ela.

Com águas azuis cristalinas e areias brancas, a praia é um verdadeiro paraíso, um ótimo lugar para tirar fotos até fazer mergulho.

Pôr do Sol em Bingin

Bingin Beach é outra das principais praias para surfistas. Ela também fica pertinho da praia de Uluwatu, Padang Padang e Dreamland.

Com uma linda visão do Oceano Índico e ondas maravilhosas, esse é um lugar perfeito para ver o pôr do sol em Bali.

O que fazer em Bali - 30 atrações imperdíveis
Pôr do sol em Bingin

Visitar o Templo Pura Luhur em Uluwatu

Quando o sol começa a se pôr é quando o espetáculo de dança do templo Pura Luhur – também conhecido como Templo Uluwatu e considerado um dos locais mais sagrados de Bali – começa. 

A dança Kecak, tipicamente balinês, é a apresentação de uma história contada apenas por meio de danças e gestos. Não há nenhum tipo de instrumento acompanhando os vocais de, aproximadamente, 60 homens entoando o mantra “Chak” que dá origem ao nome do ritual.

Uluwatu, Bali, O guia completo da região
Pôr do sol no templo de Uluwatu, em Bali

Surfe em Uluwatu

A região está cada vez mais presente na cena de Bali, com um ar jovem e descontraído. 

Conhecida mundialmente pelos seus picos de ondas, Uluwatu é o reduto do surf. Entretanto é necessário tomar um pouco de cuidado: é uma região de muita pedra e coral, portanto recomendo fazer o trajeto de botinha para não machucar os pés. 

Confira aqui todas as dicas sobre Uluwatu

Single Fin

Grande point para jovens, principalmente surfistas, O Single Fin é onde a galera se reúne para curtir o pôr do sol depois de um dia de mar. 

Às quartas-feiras e domingos, a música ao vivo toma conta do terraço do bar com atrações de DJ’s internacionais e  muita badalação.

O que fazer em Bali - 30 atrações imperdíveis
Single Fin, vendo as ondas de Uluwatu.

Day-use na piscina infinita do Blue Point

O hotel Blue Point tem uma vista maravilhosa para a praia de Uluwatu. O visual atrai pessoas de todos os lugares e mesmo se você não ficar hospedado no hotel, pode pagar o day-use que inclui a refeição, bebida e, o melhor de tudo, poder usar a piscina de borda infinita do hotel que fica no alto de um penhasco e assistir o pôr do sol.

O que fazer em Bali - 30 atrações imperdíveis
A icônica piscina do Blue Point, com vista para o pico de Uluwatu

Praia de Green Bowl

A praia de Green Bowl está um pouco mais ao centro da península e é necessário um pouco de esforço para chegar até ela: precisa-se descer vários degraus para finalmente acessar a praia, mas vale totalmente a pena.

As ondas quebram mais ao fundo, deixando uma longa faixa de água rasa e mais tranquila para quem quer aproveitar. 

Não há estrutura alguma ali, mas se você tiver cansado do sol, pode se refugiar numa caverna na parte de areia.

Praia de Green Bowl em Bali

Jantar em Jimbaran

Quem nunca imaginou em poder sentar-se à beira da praia e comer peixe fresco apreciando a paisagem? Pois na praia de Jimbaran, isso acontece sempre.

Jimbaran não é uma praia para passar o dia e sim para jantar. 

Ao longo da faixa de areia, mesinhas são dispostas com todo um ar sofisticado, com velas de decoração. E é ali que existem vários mercados de frutos do mar, onde os vendedores, além de vender o produto ainda fresquinho, prepara e serve ao cliente na areia.

É uma ótima opção para encerrar o dia comendo um bom fruto do mar fresco por um ótimo preço.

O que fazer em Bali - 30 atrações imperdíveis
Jantar em Jimbaran

Nusa Dua Water Blow

Nusa Dua é uma área mais sofisticada de Bali, com grandes resorts e uma ótima opção para quem vai em família, já que tem bons hotéis e praias mais tranquilas.

Uma atração ali que você não pode perder é o Water Blow.

O miradouro perto de onde as ondas quebram contra as pedras vulcânicas da costa balinesa proporciona momentos divertidos, mas se prepare para ficar molhado dos pés à cabeça.

Nusa Blow em Nusa Dua

O que fazer em Keramas

Keramas é outro point de surf na ilha da Indonésia e, inclusive, algumas etapas do campeonato mundial acontecem por lá.

Day-use no Komune (surf de manhã)

As melhores ondas em Keramas acontecem pela manhã então, principalmente para quem é surfista, nada melhor do que aproveitar o day-use no Komune que tem uma piscina exatamente de frente para a praia para curtir depois de pegar umas ondas.

O que fazer em Ubud

Ubud é o centro espiritual e cultural de Bali, com florestas e arrozais cercando o distrito. Foi lá que foram gravadas cenas do filme Comer, Rezar e Amar com a Julia Roberts.

Ubud Water Palace

O templo é tido como um dos mais importantes em Bali, é tido como sagrado e já foi a moradia da família real de Ubud.

O lugar é realmente lindo e a entrada é gratuita, mas lembre-se que você deve vestir o sarong ao visitá-lo. Nossa dica é ir pela manhã para evitar grandes multidões.

Pura Tirta Empul

Segundo a crença dos balineses, o templo de Pura Tirta Empul foi construído a milhares de anos pelo deus Indra e tem uma fonte sagrada para a realização de rituais.

Muito frequentado pelos balineses, é comum vê-los se purificando nas fontes e até realizando celebrações. É um local de muita espiritualidade e, apesar de cheio, muita tranquilidade.

Tirta Empul
Tirta Empul, em Ubud

Goa Gajah

Também conhecido como Caverna do Elefante, esse templo hindu foi construído em uma caverna e uma de suas principais atrações é a “caverna do elefante” inteiramente esculpida. A entrada é pequena, mas é lá dentro que estão as inscrições antigas e a estátua de Ganesh, uma figura da mitologia hindu.

Goa Gajah, também conhecido como Templo da Caverna do Elefante, Ubud, Bali
Goa Gajah, também conhecido como Templo da Caverna do Elefante

Monkey Sacred Forest

Macacos existem por todos os lugares em Bali e é até preciso ter um pouco de cuidado com eles, pois, apesar de parecerem ser simpáticos, eles podem acabar roubando seus pertences em busca de comida.

A Floresta Sagrada dos Macacos é um santuário de preservação desses bichinhos, por onde eles correm livres em uma enorme área de mata com vales, riachos, pontes e templos.

É um verdadeiro santuário de proteção aos macacos, mas, assim como ao encontrá-los em outras regiões da ilha, é preciso tomar cuidado com seus pertences e é recomendável que não se use objetos soltos, como óculos e bolsas, quando estiver ali.

Floresta dos Macacos, em Ubud, Bali
Floresta dos Macacos, em Ubud

Tegalalang

Tegalalang é um dos principais distritos de Ubud e uma tradicional vila com campos de arroz. 

Como marca registrada do turismo de Bali, os arrozais proporcionam paisagens lindas e ótimas fotos e os arrozais de Tegalalang são os principais da ilha. 

O local é bem turístico e também é possível caminhar entre as plantações.

Na estrada para a vila, ainda é possível parar para comprar incensos e esculturas de madeira por preços baixíssimos. São várias lojinhas de locais que vendem peças por volta de R$30 que, no Brasil, custariam cerca de R$400.

Tegalalang Rice Terrace Ubud Bali
Tegalalang Rice Terrace, em Ubud, Bali

Vila de Celuk

Principal centro de ourives em Bali, na Vila de Celuk encontram-se várias lojas que vendem artigos de ouro e prata de alta qualidade e designs originais por preços ótimos. Uma ótima opção para quem gosta desse tipo de objeto.

O que fazer em Nusa Lembongan

Nusa Lembongan é uma outra ilha da Indonésia que fica ao sudeste de Bali. Para chegar lá, é possível pegar um ferry boat de Bali e passar o dia por lá, mas é recomendável ficar, pelo menos, uns 3 ou 4 dias para aproveitar bem Nusa Lembongan e Nusa Penida.

Confira o guia completo de Nusa Lembongan

Mushroom Beach

A principal praia da ilha, com vários pontos de surfe. 

A região para quem é iniciante no esporte é chamada de Playground, mas para os mais experientes é possível pegar um barco que dá acesso aos outros pontos.

Devil’s Tear

Pertinho da Dream Beach, Devil’s Tear tem a mesma premissa de Nusa Dua Water Blow. As ondas se chocam violentamente contra os penhascos, causando um som bem alto. Não é recomendado ficar perto da beirada por ser muito perigoso. 

Dream Beach

Uma praia mais afastada na ilha, a Dream Beach proporciona belezas incríveis do mar contra as rochas. O mar é bem tranquilo e tem bons restaurantes.

Dream Beach, em Nusa Lembongan
Dream Beach, em Nusa Lembongan

Mangrove Forest

O Mangrove Forest é um passeio pelos manguezais balineses. Para quem já está acostumado como tipo de vegetação, que também temos no Brasil, acaba sendo um pouco mais monótono, mas ainda assim é uma linda paisagem.

Blue Lagoon em Nusa Ceningan

Nusa Ceningan é uma outra ilha que fica entre Nusa Lembongan e Nusa Penida, a menor dentre elas.

É nela que se encontra a Blue Lagoon, uma praia com águas de um azul turquesa tão lindo que vai te deixar deslumbrado e para acessar a praia é necessário descer uma pequena escada. Ali também tem pontos para saltos de um penhasco e as alturas variam entre 6 e 10 metros.

Blue Lagoon em Nusa Ceningan
Blue Lagoon em Nusa Ceningan

Nusa Penida

Nusa Penida possui pontos que entraram na cena do turismo nos últimos anos. O mais famoso deles, Klingking Beach. É possível fazer daytrips saindo de Nusa Lembongan ou aproveitar para conhecer um cenário mais rústico e autêntico de Bali como nós fizemos.

Confira dicas para quem vai ficar 3 dias em Nusa Penida

Roteiro: O Guia Completo de Nusa Penida, em Bali
Roteiro: O Guia Completo de Nusa Penida, em Bali

Gilis

As ilhas Gilis (Gili Air, Gili Meno e Gili Trawagan) ficam a cerca de 1 hora de ferry saindo de Bali. Elas foram afetadas pelos terremotos que atingiram a ilha visinha de Lombok em 2017 e mudaram um pouco de formato em termos de visitação.

Atualmente, Gili Air e Gili Trawagan são as mais agitada das Gili’s, com happy hours e festas, além de praias incríveis.

Já Gili Meno é a mais rústica e ‘natural’, perfeita para quem quer aproveitar dias na natureza. Gili significa ‘pequena’ em indonésio. Isso quer dizer que é possível dar a volta nelas em cerca de 1 hora de bicicleta (não é permitido carro por lá). Vale muito a pena a visita.

Gili islands, as ‘pequenas’ ilhas próximas a Bali que guardam uma cena descolada e rústica

Reserve os melhores passeios em Bali

Continue lendo sobre Bali

Virginia Falanghe

Jornalista de viagens e especialista em marketing digital de turismo, Virginia transformou sua paixão por viagens e aventuras em profissão. Já conheceu os cinco continentes com algumas paradas longas na Austrália, EUA, Portugal, Canadá, além de três meses a bordo de um catamarã pelas ilhas do Caribe. Além de escrever sobre destinos de natureza aqui no Viva o Mundo, é colunista de viagens na JovemPan, editora-chefe do site Dicas de Viagem e head da agência digital Pura. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *