Fernando de Noronha

O Arquipélago pernambucano precisa estar no Top 1 da listinha de viagens de quem ama natureza. Fomos até lá e contamos tudo o que você precisa saber para planejar suas férias ao paraíso!

O que você precisa saber antes de visitar Fernando de Noronha

 

Noronha é Noronha. Um lugar como poucos. É preciso conhecê-lo para entender sua magia e descobrir seus encantos, que não se resumem apenas à beleza de suas praias, falésias e mergulhos. Há alguma coisa a mais, uma energia especial que paira no ar, difícil de explicar, mas fácil de sentir. As cores são mais intensas, a natureza é muito presente e as paisagens são fortes e marcantes, mas não adianta tentar descrever. Só indo lá para descobrir, mas para isto é necessário despir-se dos hábitos urbanoides e se integrar ao contexto da ilha. Ou seja, esqueça celulares e internet, lá o sinal é muito inconstante – para a felicidade de alguns e tensão de outros.

Fernando de Noronha é um parque ambiental muito protegido. Existe um número limite de turistas que podem entrar na ilha e é preciso pagar uma taxa diária para o Parque Nacional. Para visitar o arquipélago, é preciso desembolsar uma quantia alta comparada com os preços do Nordeste do Brasil. Mas cada centavo vale a pena.  É um destino que precisa estar no Top 1  da lista de quem curte natureza.

 

noronha

Vista do Morro dois Irmãos, um dos símbolos de Fernando de Noronha

noronha

Chegada na Praia do Sancho, eleita pela segunda vez consecutiva a praia mais bonita do mundo pelo Traveller’s Choice

 

As melhores épocas para visitar Fernando de Noronha

Não existe época ruim para conhecer Noronha, a ilha pode ser visitada durante todo o ano. Mas existem meses de preferência para surfistas e mergulhadores.

Aos que querem passar mais tempo debaixo d’água os meses mais indicados para visitar Fernando de Noronha são setembro e outubro. O mar fica mais calmo e a visibilidade dos mergulhos fica nos 50 metros.

Já para surfistas, o a melhor época para visitar Noronha e curtir as ondas é entre os meses de janeiro e fevereiro. Essa é a época também que existe mais agito na ilha, por isso é bom fazer as reservas com bastante antecedência.

 

noronha

Em Fernando de Noronha, se você está na água e os golfinhos chegam você é obrigado a sair da água, se não paga multa. Bom, ninguém  me avisou sobre isso e eu curti o melhor snorkeling da minha vida com eles – e levei multa depois :(

 

Natureza e Agito

Antigamente esta integração entre homem e natureza que estávamos falando era natural, praticamente uma imposição. Hoje em dia, com o desenvolvimento da ilha, é preciso se policiar para não ceder às mordomias da vida moderna que já fazem parte do cotidiano de Fernando de Noronha. Para atingir este estado de comunhão com a natureza, a primeira dica é evitar a qualquer custo as áreas dominadas pelo turismo de massa, onde se repete o comportamento praiano típico dos anúncios de cerveja, ou seja, muvuca, som a toda e muito agito. Bom, aos que adoram isso também teremos boas dicas para aproveitar este lado festeiro de Noronha – principalmente no Reveillon.

Se você quer mais agito, ele fica basicamente nas praias com botecos e acesso de carro. Um destes pontos é o Forte do Boldró no pôr do sol, onde a galera tem o costume de festejar o entardecer com aplausos, assobios e um sonzão. Se você quiser assistir ao pôr do sol sossegado, melhor subir ao Forte da Vila dos Remédios, onde há uma ladeira íngreme que espanta naturalmente aqueles que querem levar junto o cooler de cerveja e o sonzinho.

noronha

Pôr do Sol maravilhoso  do Forte da Vila dos Remédios

 

 

Como chegar em Noronha

É muito fácil chegar a Noronha. Há diversos voos diários para a ilha partindo das principais capitais do Brasil, fazendo escala ou conexão em Recife ou Natal. No aeroporto de Noronha é cobrada uma taxa ambiental que varia em função do número de dias de permanência na ilha. O pagamento pode ser feito com cartões de crédito. Se você não tiver um translado contratado, o que não fata é táxi, quase todos eles bugies, que não só o levará para a sua pousada, como se colocará à disposiçãoo para te atender durante a sua estadia.

 

Veja também: Os 20 lugares mais bonitos do brasil – pela visão dos estrangeiros

divisoria viva o mundo

 

Nossa Viagem a Fernando de Noronha

 

Conheci Fernando de Noronha em 2008 com meu pai, quando fizemos uma travessia a bordo do Enterprise, um live aboard da Altantis Dive, que saiu de Natal rumo ao arquipélago. Foram 3 dias em alto mar até chegar ao paraíso. Já na ilha, ficamos 7 dias e voltamos de avião.

 

noronha

Nossa hospedagem por 10 dias. Live Aboard Enterprise da Atlantis Dive

 

De Natal a Fernando de Noronha: Parada para mergulhar na Risca do Zumbi, RN

Foi uma travessia teste com um mar muito batido. Sobrevivi a base de Dramin nestes dias e não lembro de quase nada da travessia já que precisei dormir horas seguidas para não ficar enjoada.  Mas se tem algo que me recordo como ontem, foi o mergulho na Risca do Zumbi, que fica a poucas horas de Natal. O mergulho por lá parece que você descobriu a Atlântida, as formações rochosas são um mistério, é difícil entender como essas rochas se formaram como antigas colunas que erguem uma casa embaixo do mar. É incrível, vale a passada para quem estiver em Natal.

 

noronha

Mergulho na Risca do Zumbi, Natal, RN -é difícil entender como essas rochas se formaram como colunas que erguem uma casa

noronha

Risca do Zumbi – RN.

Hoje em dia a Antlantis Dive não faz mais este tipo de travessia, foi um único teste que foi bem sucedido quando chegamos em Noronha, com o mar tranquilo. O Enterprise hoje está fazendo ótimos live aboards  em Paraty, RJ, onde o mar é mais calmo.

 

7 dias de mergulho em Fernando de Noronha.

A Atlantis é a maior operadora de mergulho de Fernando de Noronha. Recomendo a todos que procuram uma empresa para levar quem nunca mergulhou, mergulhadores básicos, avançados e técnicos. Eles tem uma ótima estrutura e nos atenderam absolutamente bem durante nossos dias na ilha e durante a travessia.

Foram 3 mergulhos por dia, de manhã, tarde e a noite para os mais animados. Conhecemos praticamente tudo embaixo do mar de Noronha e posso dizer que este é o meu lugar favorito do mundo para mergulhar. Bate o Caribe de longe. A vida marinha é muito intensa, você vê arraias, tartarugas, tubarões, golfinhos, tudo  em um só mergulho. É incrível.

 

noronha

Cardumes em Fernando de Noronha

noronha

Caverna em Fernando de Noronha

noronha

E arraias…

 

Fora d’água é tão apaixonante quanto dentro…

Já fora d’água, os passeios em Fernando de Noronha são maravilhosos. A ilha apesar de pequena é de deixar o queixo caído. As praias, falésias, as ondas, o pôr do sol, a vibe… Tudo é apaixonante. Você pode conhecer Noronha a Pé ou de Buggy… Pode fazer caminhadas em praias ou em fortes históricos, surfar, praticar snorkeling ou fazer um passeio bem paulistano, como almoçar em um bom restaurante e passar a tarde visitando lojas locais. Mas isso é assunto para amanhã por aqui!

Enfim,  Noronha hoje é bastante eclética e atende a todos os gostos, mas não perdeu os seus encantos naturais que a tornam tão especial :)

 

noronha

Não há lugar como Noronha…

 

Ao longo dos próximos 10 dias vamos fazer um intensivão de Posts sobre o Fernando de Noronha, não perca!

Se você gosta de mergulho, também vai gostar desses posts:

Entenda o por que Bonaire é um dos melhores lugares do mundo para mergulhar!

 

O que nós aprendemos sobre mergulhar nas Ilhas Virgens Britânicas

 

divisoria viva o mundo

Os 5 Pontos Turísticos Imperdíveis de Noronha

 

Morro Dois Irmãos

 Talvez o ícone mais famoso de Noronha. Não há como visitar o arquipélago e não tirar uma foto em frente as duas formações rochosas quase idênticas uma da outra.  O morro fica na Baía dos Sanchos, vale uma caminhada até a ponta da praia para ficar cara a cara com esse visual incrível.

noronha

Morro Dois Irmãos, ícone de Noronha

 

 

Vila dos Remédios

A Vila dos Remédios é impossível de não ser visitada, já que é o centrinho e o único lugar habitado de Fernando de Noronha. Moram ali cerca de 3 mil pessoas. É na Vila que ficam localizados os restaurantes, algumas pousadas, o centro de saúde,  escolas e até a sede da única emissora do arquipélago, a TV Golfinho.

noronha

Vila dos Remédios vista pelo Forte da Vila dos Remédios.

noronha

Correios de Vila

 

 

Pôr do Sol no Forte da Vila dos Remédios

 O Forte da Vila dos Remédios já é uma atração a parte por sua história secular. Mas a melhor coisa é visitar o local ao enterdecer, já que a vista é do sol se pôr entre o Morro Dois Irmãos . É o lugar mais sossegado para assistir ao crepúsculo, e na minha opinião, muito melhor que no Forte do Boldró onde tem muito mais agito.

noronha

O Forte da Vila dos Remédios

noronha

Pôr do Sol visto do Forte

 

Caminhada no Boldró

 O que vale a pena é conhecer a Praia do Boldró chegando a pé da Vila dos Remédios . A Praia é maravilhosa e é um ótimo lugar para fazer snorkeling quando a maré abaixa. Também é um super point pro Surf, onde as ondas chegam a 5m na temporada.  Aconselho a caminhar pela praia do Boldró com destino a Praia do Sancho…. Você vai passar pelo Morro Dois Irmãos e vai chegar na praia, que na minha opinião, é a mais bonita da ilha.

noronha

Caminhada até a Praia do Boldró

noronha

Praia do Boldró

 

Falésia da Praia do Sancho (A Praia foi eleita a mais bonita do mundo pelo Traveller’s Choice Awards)

 Chegando na Praia do Sancho pela caminhada que falei, não pare ali na areia apenas. Suba pelas escadinhas até o topo da falésia para ter uma vista incrível dessa Baía.

 

noronha

Vista espetácular da Baía do Sancho

 

noronha

Escadas para subir na Falésia

noronha

Escadas para subir na Falésia

noronha

Praia do Sancho

 

Noronha tem muitos lugares para se conhecer com calma e a pé

 Caminhe pela ilha. Ela é pequena o suficiente para se fazer tudo a pé. Além de fazer bem à saúde, a sensação de descoberta a chegar a uma praia depois de uma bela caminhada é muito gostosa. Isso sem falar que durante o percurso é possível observar detalhes que passariam batidos se você estivesse de carro. Cansou, pegue um táxi, um ônibus ou uma carona que é bem fácil de conseguir. As locadoras de buggy não vão gostar nem um pouco desta dica, mas convenhamos, Noronha é para se saborear aos poucos.  Até porque em três dias de caminhada é possível conhecer todas as praias . Há alguns pontos críticos que vão exigir certo esforço, como subir da Vila dos Remédios para a Floresta Nova, onde concentram-se muitas das pousadas. Também há a opção de caminhadas históricas, conhecendo os fortes, o museu da ilha e a Vila dos Remédios.  O segredo é ir devagar e não se esquecer de levar lanche e água na mochila. Relaxe.

Não há porque ter pressa, a não ser que você esteja para perder o barco de mergulho ou aquele swell que vai entrar para o Surf. Ai sim é melhor ficar esperto, porque não há nada mais importante a se fazer na ilha do que mergulhar ou surfar. Não afundar a cara no mar de Noronha, nem que seja só de máscara e snorkel, deveria ser considerado pecado mortal. É dentro d’água que literalmente a imersão na natureza se completa

 

noronha

Surf em Noronha

 

Ou passeios guiados…

 Para quem não se sentir confortável em botar o pé na estrada e não quiser conhecer a ilha por conta própria, há diversas agências de turismo que oferecem passeios guiados. Para visitar a Praia do Atalaia e suas piscinas naturais, isso é obrigatório, uma vez que o acesso a este local só é permitido com guias credenciados do parque nacional.

O mesmo acontece com o snorkeling na Praia do Sueste, considerada um dos principais redutos de tartarugas-marinhas do arquipélago.

 

noronha

Vila dos Remédios

 

Quer mais pontos imperdíveis pelo mundo? Você vai gostar dessas matérias:

14 pontos turísticos imperdíveis em Jericoacoara

10 pontos turísticos para se apaixonar por Berlim

divisoria viva o mundo

 

 

Tudo o que você precisa saber para mergulhar em Fernando de Noronha

Para quem nunca mergulhou, Noronha é o lugar perfeito para começar. Para quem já mergulha, principalmente se for brasileiro, é uma obrigação, pelo menos uma vez na vida, cair em suas águas. Alguns mergulhos são obrigatórios, como:

 

  • O cabeço e a caverna da Sapata,
  • as Pedras Secas 1 e 2,
  • as luias,
  • Macaxeira,
  • Cabeça das Cordas,
  • Pontal do Norte,
  • Buraco das Cabras,
  • Ressureta,
  • Cagarras,
  • Buraco do Inferno,
  • Cordilheiras,
  • o Naufrágio do Porto e, logicamente,
  • a Corveta Ypiranga.

 

Se não for possível fazer todos eles em uma única viagem, você terá uma ótima desculpa para voltar. Após completar esta primeira lista, vão ficar faltando inúmeros pontos que você próprio vai achar que deveriam estar em seu logbook.

 

noronha

Mergulhe em Noronha

 

Snorkeling e Mergulho Livre em Noronha

Bons pontos para snorkeling saindo de praia são a Baía dos Porcos, o naufrágio do Porto e o Morro de fora da praia da Conceição, dependendo das condições do mar. Já na Praia do Sueste, considerada um dos principais redutos de tartarugas-marinhas do arquipélago, é preciso ir com um guia credenciado pelo Parque Marinho.

Há também passeios de barco para mergulho livre, entre eles o Planasub, onde o participante segura uma prancha e é rebocado pelo barco por meio de um cabo de aproximadamente cinco metros em um autêntico voo submarino.

 

noronha

Os Golfinhos Rotadores são mega protegidos por lá e você precisará ter sorte para encontrar com eles durante mergulhos. Geralmente eles saem no fim da tarde da área protegida pelo Parque para procurar alimentos e ai aparece a chance dos mergulhadores. Mas lembrando, o Parque Nacional não permite o contato de humanos com os animais e se você estiver praticando snorkeling na água você precisa sair imediatamente dela! Foi o que aconteceu comigo, mas eu não sabia dessa regra e fiquei lá um tempão nadando com eles em um mergulho que rendeu fotos incríveis como essa!! Moral da história: levei multa mas valeu a pena!

 

As belezas do fundo do mar

A vida marinha é a grande atração de Noronha. Cardumes de peixes super coloridos são figuras garantidas em praticamente todos os mergulhos. Também não faltam barracudas, tartarugas-marinhas, moreias, lagostas, polvos, lulas, raias-prego e chitas, badejos e garoupas, além de possíveis surpresas como raias-manta e tubarões-baleia. A sorte grande é cruzar com os golfinhos-rotadores, que vivem em uma das baias da ilha onde é proibido mergulhar, mas no meio da tarde eles costumam sair da baía para caçar e neste percurso costumam interagir com mergulhadores.

noronha

Arraia em Noronha

noronhanoronha

Tubarão lixa

noronha

Lagostas pegas no flagra hahah

O mergulho mais desejado é na Corveta Ypiranga, um dos naufrágios mais famosos do Brasil. Este navio da marinha brasileira afundou em outubro de 1983 após colidir com o Cabeço da Sapata. Ele está intacto e em posição de navegação em fundo de areia branca a 62 metros de profundidade e todas as suas estruturas estão preservadas. Em seu interior encontram-se equipamentos, objetos e até roupas que foram abandonadas pelos tripulantes quando abandonaram o navio. A vida marinha no local é estonteante.

Infelizmente, o mergulho na Corveta não é para todos. Todos são feitos com Trimix, para melhores técnicos. Para quem não é certificado neste tipo de mergulho, as operadoras oferecem batismo tec. Para isso, ele precisa já ser avançado com certificação em NItrox, fazer pelo menos três dias de mergulho em Noronha e informar no primeiro dia de mergulho sua intenção de mergulhar na Corveta.

 

noronha

Quem arrisca um mergulho na Corveta Ypiranga?

noronha

Tudo intacto por lá

noronha

Sinistro é pouco!

 

Quem leva para mergulhar:

Há três operadoras de mergulho autônomo em Noronha. Águas Claras, Atlantis e Noronha Divers. Eles atendem todos os níveis de mergulhadores, oferecendo desde batismos para aqueles que querem experimentar pela primeira vez as sensações de poder respirar debaixo d’água, até mergulhadores técnicos que utilizam misturas gasosas e rebreathers. As saídas de mergulho são diárias e é raro haver cancelamento devido às condições do mar.

Minha recomendação é fazer as saídas com a Antlantis Dive, que possui a maior estrutura da ilha.

 

noronha

Atlantis Dive em Noronha

 

E depois de tudo isso…

E mesmo depois de ter conhecido todos os pontos, você vai querer repetir. Por isso, o melhor dos mundos seria poder voltar para Noronha pelo menos uma ez por ano, aproveitar para se sintonizar com a ilha e dar um “booth” em seu cérebro. Tenha ciência de que ao fazer isso pela primeira vez, alguns conceitos e hábitos poderão ser mudados para sempre. Você poderá voltar com outra cabeça e passar a questionar uma série de valores da sociedade moderna. O que de fato será muito benéfico para a natureza, para você próprio e para toda a humanidade.

noronha

Cardume maravilhoso

noronha

Raias chita são raríssimas e olha só que surpresa agradável encontramos por lá!

noronha

As formações rochosas embaixo dágua são impressionantes

 

 

Tudo sobre mergulho em Los Roques

 

Descubra qual é a melhor época para encontrar baleias em mergulhos em Turks & Caicos

 

divisoria viva o mundo

 

As Praias imperdíveis de Noronha

 

Quando não se está mergulhando ou surfando em Noronha, as opções são ir para uma praia e se largar por lá. Se tiver no pique, aproveitar para fazer uma caminhada pelas praias ou fazer uma trilha até alguma praia mais distante ou para um mirante com vista para alguma praia. Como se pode notar, todos os caminhos levam às praias e todas elas devem ser conhecidas, afinal são, sem dúvida, as mais bonitas do Brasil.

 

Anote aí as imperdíveis:

 

Mar de Fora:

  • Baía Sueste
  • Praia de Atalaía

 

noronha

Baía Sueste

 

Mar de Dentro

  • Baía e Porto de Santo Antônio
  • Praia do Cachorro
  • Praia do Meio
  • Praia da Conceição
  • Praia do Boldró
  • Praia do Americano
  • Praia Cacimba do padre
  • Baía dos Porcos
  • Baía do Sancho
  • Baía dos Golfinhos
  • Ponta da Sapata
noronha

Morro Dois Irmãos na Baía do Sancho

noronha

Vista do pôr do sol do barco

noronha

Relax…

noronha

Praia do Americano

noronha

Praia do Boldró

noronha

Forte e Praia do Boldró

 

Você vai gostar dessas aqui também:

O Guia definitivo das praias do Litoral Norte de São Paulo

O que você precisa saber antes de ir para a Tailândia

 

divisoria viva o mundo

 

 

Onde ficar em Noronha

 

As pousadas de luxo – e ecológicas

 

Atualmente, há diversas opções de hospedagem, como a mais bam-bam-bam da ilha, a Pousada Maravilha, reduto de ricos e famosos. A pousada mais badalada da ilha, foi construída  para ficar harmoniosamente colocada ao ecossistema local. Próxima da Praia do Sueste, tem 5 bangalôs, 3 apartamentos, lounges, piscina, restaurante – tudo muito requintado. Os cuidados com a privacidade de seus hóspedes é extremo e o serviço, impecável. Diante de tal serviço, claro, os preços das diárias também são realmente seletivos.

fernando de noronha

Pousada Maravilha

 

Um bom modelo de como é possível conciliar o turismo com a preservação ambiental é a Pousada do Zé Maria. Seu restaurante é o mais famoso da ilha e todas as quarta-feiras acontece um festival gastronômico. (Veja no Onde Comer).

São vinte luxuosos bangalôs, com hidromassagem na varanda, camas king-size e outras mordomias como piscina e sala de ginástica proporcionam um conforto que antigamente não existiam em Noronha. Mas o mais interessante é que a pousada é ecologicamente correta. Todas as verduras usadas na cozinha são cultivadas na própria pousada em um sistema de hidroponia, paineiras solares geram parte da energia elétrica e um sistema de tratamento de esgoto foi instalado para reciclagem da água servida para ser reutilizada da irrigação da horta e limpeza.

Pousada Ze Maria

Pousada do Zé Maria

 

Oura bela surpresa é a Pousada Tejú-Açú, que tem um projeto arquitetônico que quase não interfere no solo. Os bangalôs e as áreas de lazer e serviços são construídas sobre palafitas e o material de construção é, predominantemente, madeira de reflorestamento. Os abastecimento de água, energia e rede de esgoto também tiveram o cuidado com a preservaçãoo da natureza. São seis bangalôs duplos, recepçãoo, restaurante e bar, piscina com seis pontos de hidromassagem muito bem integrados com o meio ambiente e a paisagem.

Teju-Açu

Pousada Tejú-Açú

pousada-teju-acu

Pousada Tejú-Açú

 

As pousadas mais acessíveis sem perder o conforto…

 

Outras pousadas mais acessíveis em Fernando de Noronha são a Dolphin, a Solar de Loronha, a do Brusolo também oferecem excelentes acomodações para quem quer desfrutar de um paraíso ecológico sem abrir mão do conforto. Agora, se a ideia é ir para Noronha sem gastar muito, também existem pousadas-domiciliares que são casas pré-fabricadas de famílias locais que alugam quartos para os turistas, que possibilitam uma maior descontração e integração com o pessoal local.

dolphin-hotel

Dolphin Hotel

Solar de Loronha

Solar de Loronha

pousada-solar-de-loronha-big

Solar de Loronha

 

divisoria viva o mundo

 

Onde Comer no Arquipélago de Fernando de Noronha

 

Noronha está bem servida de restaurantes. Para almoço rápido, as melhores opções são os “por quilo” Flamboyant e Ousadia, no acesso à Vila dos Remédios. Para uma boa pizza, a pedida é o “Na Moita” ou o “Feitiço da Vila”.

Já para pratos mais refinados, o Xico da Silva, o Acquamarine e o imperdível festival gastronômico do restaurante da Pousada do Zé Maria devem fazer parte do seu roteiro. As quarta-feiras acontece o festival gastronômico com mais de 50 pratos que mistura culinária brasileira, espanhola, italiana e japonesa de fazer cair o queixo. Depois das sobremeses (também pluralíssimas), o samba e o forró correm soltos madrugada a dentro.

 

 

Deixe uma Resposta para Julia Cancelar Resposta

20 Comentários

  1. Pingback: Os 20 lugares mais bonitos do Brasil - pela visão dos gringos - Blog Viva o Mundo

  2. Julio Moreira

    Parabéns pela matéria! Conteúdo bem relevante e tudo muito bem detalhado! Tenho certeza de que ajudará e muito os turistas interessados em conhecer o belo arquipélago!
    Gostei tanto de sua publicação que compartilhei ela na minha página no facebook: https://www.facebook.com/Easy-Tur-956045237767836/?fref=nf

    Sucesso! Parabéns novamente pela matéria!!!

    -1
    • vivaomundo

      vivaomundo

      Olá, Julio,

      Muito obrigada pelo seu comentário!
      Compensa todo o esforço e trabalho :)
      Volte sempre!

  3. Tamiris Moreira

    Excelente post, super detalhado e de grande importância para quem deseja viajar pra Noronha, indicarei esse post a todos amigos que pretenderem ir para lá e claro usarei também como fonte para conhecer melhor o lugar quando eu for. Parabéns, post extremamente útil e parabéns pelas fotos também, são incríveis!

    • vivaomundo

      vivaomundo

      Olá, Tamiris,

      Muito obrigada pelo comentário! Ficamos muito contente que você tenha gostado :)

      Espero que você aproveite muito Noronha!!!
      Depois nos cone quando voltar!

      Abraços,

    • vivaomundo

      vivaomundo

      Olá, Tamiris,

      Que comentário incrível. Muito, muito obrigada pelos elogios.
      Valem todo o trabalho e esforço que colocamos no blog!
      Um beijo!

  4. Jorge Alonso

    Querida Virginia, soy uruguayo y voy a ficar en Enero en la ilha. Quero facer uma pregunta, es muito complicada la caminata desde praia do Boldro até praia do Sancho? Mia enamorada sofre de vertigo y para ela va asaer muito complicado baixar las escadarías pra llegar a la praia, la caminhada pode ser una boa aopción. Muito obrigado por contestar, y disculpa mi portugués escrito. Saludos , Jorge de Montevideo

  5. Top Brasil

    Muito bom o conteudo sobre a cidade, quando tive o prazer de conhecer Fernando de Noronha sentir muita falta de um conteúdo como o seu.
    Fui com a agência de turismo Top Brasil Turirmo que presto um atendimento maravilho e vale a pena da uma olhada.
    http://goo.gl/9Vre1F

    Exelente Trabalho

    • vivaomundo

      vivaomundo

      Obrigada!!! :) Ótimo ter boas indicações de agências.

  6. Marcus

    Pessoal, tive que cancelar a minha viagem para noronha e o Hotel não realiza o ressarcimento do valor já pago, então estou com um crédito de R$3.750,00 no Dolphin Hotel, estou negociando este credito, então quem tiver interesse favor entre em contato por e-mail.

    • Edvin henrique

      Olá, até quando é válido o seu crédito? Agradeço

  7. thiara

    Oii..estou com uma viagem na minha programação e na hora de escolher os destinos não sabia por qual optar, de repente surtei por Noronha e daí por diante comecei a procurar algo sobre este lugar. E a página de vocês foi a mais completa, sugere ótimos passeios, fotos excelentes, o que seria mais seguro, inclusive altas dicas de hospedagem! Eu tô BARBIE NA CAIXA de tanta ansiedade..rsrs.
    Já li tudinho, inclusive sobre a parte que fala da multa que você levou referente aos golfinhos. Já aprendi direitinho e dessa multa aí eu estarei livre..heee!
    Agradecer por todo o conteúdo divulgado aqui, um ótimo trabalho. Sobre o meu descanso no paraíso, compartilho depois!

    -1
  8. Pingback: Canoa Quebrada e além - conheça o desconhecido do Ceará

  9. Thiago Fenolio

    Excelente relato e fotos maravilhosas. Nadar com os golfinhos deve ter sido incrível, essas fotos são de 2008 ou mais recente?

    • vivaomundo

      vivaomundo

      Olá, Thiago.

      Muito obrigada! Realmente foi incrível :)
      As fotos são de 2008. Passa rápido, mas pelo que sei Noronha continua a mesma :)

  10. Julia

    Boa noite!! Voce ainda tem o contato da pessoa que fez o passeio de barco?

    Obrigada!!

  11. Micheline

    Olá!! Adorei as dicas, estou indo para Noronha agora em janeiro/17 e vou experimentar tudinho.
    Parabéns pelas fotos e post!

  12. Pingback: Os 20 lugares mais bonitos do Brasil – pela visão dos gringos – Imagine Brasil